Dicas de Mulher Dicas de Beleza

Minoxidil: produto contra calvície ajuda a crescer fios na sobrancelha

Encontrado em farmácias e drogarias, o produto pode auxiliar o tratamento da calvície e estimular o crescimento dos pelos das sobrancelhas

em 12/03/2014

Foto: Thinkstock

Cuidar dos cabelos diariamente faz parte da rotina de beleza de qualquer mulher. Além de lavar, condicionar e hidratar, elas costumam ficar de olho para evitar a temida queda dos fios. O comum é que um ser humano normal perca de 50 a 100 fios de cabelo por dia, mas quando o número fica muito maior do que isso pode ser a hora de procurar um novo tratamento para cuidar do problema.

Se você anda sofrendo com isso, não precisa se desesperar. Hoje existem diversas opções para quem quer fortalecer os fios e impedir a queda. Além de xampus e condicionadores específicos, o mercado farmacêutico oferece produtos que ajudam resolver esta questão.

Um deles é o Minoxidil, um vasodilatador que age estimulando a circulação sanguínea nas regiões em que é aplicado. Através deste estímulo, o medicamento promove o crescimento dos fios na área em que foi usado.

Como usar

O Minoxidil deve ser usado na região em que você deseja corrigir a falha de cabelos. Pode ser utilizado ainda nas sobrancelhas ou na barba, no caso dos homens. O ideal é usar aplicadores especiais para delimitar a área em que o produto irá agir. É possível usar uma escova de máscara de cílios inutilizada ou comprar o produto em embalagem em formato de caneta.

De acordo com a Dra. Carla Tamler, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da American Academy of Dermatology, o medicamento costuma funcionar, mas é preciso paciência para ver os fios crescerem de novo. “O Minoxidil em uso sob a forma de solução, é a medicação local mais eficaz para boa parte das alopécias, que são as quedas de pelos no corpo. Os resultados são percebidos em geral a partir do terceiro mês de uso”, diz ela.

Rogaine Women’s

Como comprar

O Minoxidil pode ser manipulado em farmácias através da receita médica feita por um dermatologista ou comprado na versão industrializada, sob os nomes de Rogaine, Regaine, Aloxidil, Loniten ou Kirkland. A versão manipulada custa em torno de R$ 30,00. Já a industrializada varia de R$30,00 a R$115,00.

Mas antes de ir até a drogaria mais próxima, a Dra. Carla faz uma recomendação importante. “Antes do uso de medicamentos para estímulo do crescimento de pelos, vale uma consulta ao dermatologista para análise da causa da diminuição ou ausência dos fios”, afirma.

Quem já usou o Minoxidil

Assim como a maioria dos produtos e medicamentos, a eficácia do Minoxidil varia de acordo com a pessoa. A blogueira Jéssica Cirino, 21 anos, do Blog da Jay, usou e indica. “O Minoxidil funciona sim. Indico para todo mundo que encontro e toca no assunto”, falou.

Ela contou que sentiu a diferença em torno de três meses e que viu os fios ficarem mais fortes, mas precisou redobrar a atenção no tratamento dos cabelos. “Como a fórmula do produto leva bastante álcool, o cabelo resseca bastante, especialmente no começo do tratamento. Por isso, intensifiquei a rotina de hidratação e os cuidados na hora de fazer escova”, acrescenta a blogueira.

Já o jornalista Edison Mota, de 51 anos, afirmou que não teve uma experiência positiva com a solução. “Passei a usar o Minoxidil por uns dois meses e não vi a tão esperada cabeleira aparecer”, diz. Ele afirmou ainda que em algumas ocasiões teve perda de sono, diferente de Jéssica que não apresentou nenhum efeito colateral.

O Minoxidil é um produto que promete acabar com a calvície e com a falta de pelo em outras regiões do corpo. Como vimos, a eficácia do produto pode se mostrar diferente para cada pessoa. Agora que você já tem todas as informações sobre o produto é só comprovar os resultados.

Comentários
Dicas relacionadas