Como fazer uma lista de compras prática para o supermercado

Ir ao supermercado com uma lista bem organizada pode te ajudar a economizar tempo e dinheiro na hora das compras

Escrito por Karina Azevedo
Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Você já foi ao supermercado e percebeu que esqueceu de comprar alguma coisa de que precisava só quando já tinha voltado para casa? Na hora de fazer compras, apoiar-se na memória nem sempre basta. Afinal, os supermercados estão cheios de embalagens coloridas que podem funcionar como poderosas distrações.

Até a pessoa mais cheia de foco pode se distrair e acabar descobrindo, enquanto desempacota as compras, que se esqueceu de pegar um pacote de sal, um rolo de papel higiênico, uma caixa de sabão em pó.

Montar uma lista e ir para o supermercado com tudo o que você precisa anotado colabora muito com o processo. Assim, é mais difícil se esquecer de comprar algum item necessário, você não tem a desagradável surpresa de perceber a falta de alguma coisa quando já estiver em casa e evita uma nova visita ao mercado. É também um incentivo a mais para gastar menos: com a lista, você sabe o que realmente precisa e deixa de cair na tentação de comprar outros produtos.

“A lista de supermercado serve para se organizar na hora das compras, ela ajuda a não esquecer nenhum item, a não acumular alimentos e perdê-los devido o prazo de validade, a controlar os impulsos de consumos desnecessários, além de garantir economia e satisfação”, opina a personal organizer Helo Henne.

Ainda que fazer compras seja uma atividade relativamente simples e corriqueira, organizar e estruturar o que é preciso em uma lista faz toda a diferença e pode otimizar a tarefa, fazendo com que você economize tempo e dinheiro. Além disso, as listas também são ótimas formas de deixar claro as suas necessidades em casos em que as compras são feitas por outra pessoa.

Leia também: Feira: consiga os melhores alimentos e preços na época certa

5 dicas para fazer uma lista de compras eficaz

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Não há apenas uma forma ideal de fazer uma lista de compras eficaz. Afinal, é preciso adaptar a lista às suas necessidades e à frequência com a qual costuma ir ao supermercado. Mesmo assim, algumas dicas podem ajudar no processo e deixar a hora das compras mais prática. Confira:

1. Leve a lista escrita para o mercado

A dica mais básica pode parecer óbvia, mas nem sempre é. Esquecer de levar a lista na hora das compras é comum e confiar na memória pode não funcionar tão bem. Para não ter erro, prefira escrever a lista em suportes fáceis de transportar: folhas avulsas de papel, celular, pequenos cadernos. Cadernos grandes, computador e lousas podem ser muito práticos para fazer a lista em casa, mas não se esqueça de providenciar uma versão que possa ser levada junto com você!

2. Tenha uma lista pronta para usar como base

Faça uma lista de todas as coisas que você usa em casa e, na hora de ir ao supermercado, confira que itens dessa lista precisam ser comprados. Assim, você não corre o risco de esquecer de anotar alguma coisa e ainda aproveita para verificar o que já tem, conferindo quantidades e datas de validade.

3. Construa um cardápio e monte sua lista baseando-se nele

“As pessoas geralmente vão ao supermercado, fazem toda compra e depois vão montando cardápios de acordo com o que têm no armário.Para que você não desperdice produtos, deixando-os esquecidos na despensa, experimente fazer ao contrário. Monte todo o seu cardápio – café da manhã, almoço, jantar ou lanche da noite – de acordo com a frequência que você vai às compras e então comece a montar sua lista em função no cardápio montado”, sugere Helo.

4. Separe por categorias

Dividir a lista em categorias é uma boa maneira de colocar os pensamentos em ordem e visualizar o que é necessário, além de facilitar a localização dos produtos no supermercado. Você pode separar o que precisa em: produtos de limpeza, higiene, vegetais, temperos, carnes, bebidas, itens de geladeira ou de despensa, etc.

Leia também: 26 maneiras espertas de economizar na cozinha

5. Mantenha uma lista atualizada no dia a dia

Para não esquecer nada ao escrever tudo de uma vez, manter uma lista com atualizações frequentes é uma boa alternativa. Deixe a lista em um lugar visível (presa com ímã na porta da geladeira, por exemplo) e anote um produto a cada vez que você perceber, nas atividades do dia a dia, que ele precisará ser reposto.

Uma lista de compras pronta para você usar

Ter uma lista de compras pronta para usar como referência facilita muito o processo de anotar os produtos necessários na compra da vez. O ideal é incluir nessa lista todos os produtos que, geralmente, são usados na sua casa e que são comprados com regularidade.

Com a lista de referência pronta, fica mais fácil conferir o que precisa de reposição a cada ida ao supermercado: basta editar a lista conforme as quantidades necessárias e o que deve ou não ser comprado no dia.

Ao montar a lista de referência, tenha em mente que cada casa tem gostos, costumes e necessidades diferentes – os produtos que uma família com filhos precisa serão diferentes das escolhas de uma pessoa que mora sozinha, por exemplo. A seguir, você encontra um modelo que pode ser usado como base na criação da sua lista e que pode ser reorganizado de acordo com o que é essencial para sua casa.

Lista de compras (Referência)

Há maneiras diferentes e práticas de aplicar a lista de referência no dia a dia. Uma opção é imprimir várias cópias e alterar as quantidades a cada compra. Você também pode editar a lista no computador após verificar o que será necessário e imprimir versões atualizadas para cada ocasião. A lista também pode ser usada como base para atualizações cotidianas: mantendo-a na porta da geladeira ou da despensa, fica fácil de fazer anotações conforme os produtos vão acabando.

5 erros que você deve evitar ao fazer a lista e ir ao mercado

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Mesmo com a lista pronta, alguns cuidados podem ser tomados para deixar as compras de supermercado ainda mais práticas e eficazes. Confira dicas do que evitar para não perder o foco:

1. Fazer um intervalo muito longo entre as compras

Quanto maior o período entre idas ao supermercado, maior o número de itens que você precisará comprar de uma vez só. Em intervalos longos, a lista precisa ser grande e abranger tudo aquilo de que você precisará, o que torna a tarefa mais complicada. Portanto, se tiver disponibilidade, programe as compras para períodos menores.

“As compras semanais ajudam a repor os itens que estão faltando e você dispõe de produtos mais frescos durante a semana, além de não desperdiçar ou deixar alimentos esquecidos no armário. O ideal é ir ao supermercado pelo menos duas vezes ao mês”, recomenda Helo.

2. Ir ao supermercado com fome

Ir às compras com fome pode se tornar um estímulo para gastar mais. Por impulso, você acaba se distraindo e comprando produtos que não precisa realmente.

3. Levar as crianças ao supermercado

Se você tem filhos e existe a opção de não levá-los para o supermercado, agarre a possibilidade. A grande quantidade de produtos é atrativa para os pequenos, que podem ficar cheios de pedidos e vontades, fazendo com que você leve para casa coisas que não tinha planejado comprar.

4. Fazer a lista sem conferir a despensa

Não saia de casa para fazer compras sem conferir como está sua despensa ou geladeira! Isso evita a compra de produtos que você já tem, permite a visualização do espaço disponível e faz com que você perceba eventuais produtos vencidos que precisam ser substituídos.

5. Comprar avulso

“Um dos principais erros é comprar avulso ou por impulso sem ter um cronograma, pois isso aumenta as possibilidades de comprar produtos desnecessários”, aponta Helo. Assim, evite ir ao mercado nos dias em que não se programou para isso – as chances de acabar levando para casa produtos dos quais não precisa são maiores nessas ocasiões.

Com uma lista bem preparada e organizada de acordo com as necessidades da sua casa, fazer compras no supermercado fica muito mais prático! Além de ser uma forma simples de garantir que todos os produtos serão lembrados, é um jeito de manter o controle do que coloca no carrinho e não gastar demais nem desperdiçar alimentos. Aproveite as dicas e adapte-as para o seu cotidiano!

Assuntos: Organização

Dicas pela Web
Comentários