Leg Press: o que é e cuidados ao praticar o exercício

O aparelho trabalha a musculatura das pernas como um todo

Escrito por Tais Romanelli

Foto: Thinkstock

Quem frequenta academia há certo tempo, provavelmente já fez, mais de uma vez, exercícios no equipamento chamado Leg Press. E, até mesmo as pessoas que ainda estão se preparando para iniciar a musculação, já devem ter ouvido falar dele…

Porém, embora seja um dos exercícios mais populares para a musculatura das pernas, o Leg Press ainda é envolto em dúvidas e, também, exige cuidados especiais no momento da sua realização.

Anderson Couto, professor da Smart Fit, reforça que o Leg Press é um aparelho muito utilizado na musculação. “É um equipamento multiarticular, onde são trabalhadas as articulações do quadril, joelho e tornozelo. Ele trabalha a musculatura das pernas como um todo: o quadríceps (parte da frente da coxa), posteriores de coxa, panturrilhas e os glúteos”, diz.

O Leg Press é um equipamento bastante requisitado entre as mulheres, pois, entre outros resultados, pode ajudar aquelas que querem conquistar coxas mais grossas e/ou ainda, desejam tonificar a parte interna da coxa.

Diferentes tipos de Leg Press

Anderson Couto explica que existe o Leg Press Horizontal e o Leg Press Inclinado. “Alguns equipamentos são de placas; outros são de anilhas e outros, hidráulicos (pouco utilizados no mercado)”, diz.

Como já citado pelo professor, o equipamento oferece muitos benefícios, já que trabalha as musculaturas da perna como um todo. “As variações que podem ser utilizados nas máquinas são: número de repetições, tipo de treinamento e intervalo. O Leg Press é uma máquina fixa, não há muita variedade de movimentos executados nele”, explica Anderson.

No vídeo abaixo, você confere como deve ser realizado o exercício no Leg Press Horizontal:

Já nos próximos vídeos, você acompanha como é realizado o exercício no Leg Press Inclinado (também conhecido como 45 graus):

Vale destacar ainda que algumas mulheres utilizam – desde que com a orientação de um professor ou personal – o Leg Press Inclinado para realizar exercício mais específico para as panturrilhas. Você pode conferir o movimento no vídeo a seguir:

Posicionamento dos pés

Algumas pessoas defendem que, dependendo do posicionamento dos pés no aparelho de Leg Press, o exercício enfatizará mais determinadas musculaturas. Por exemplo, mantendo os pés afastados na largura dos quadris e na parte de baixo da plataforma, você trabalha o quadríceps. Já com os pés aduzidos, você enfatiza o quadríceps interno. E ainda, com os pés mais fechados, é enfatizado o quadríceps externo.

Porém, o assunto ainda gera controvérsia. Anderson Couto destaca que a diferença entre uma posição e outra gera um leve acréscimo e recrutamento das fibras musculares, “sendo que alguns estudos comprovam que o recrutamento não é muito significativo, se comparado com uma posição segura (sem riscos de lesão)”, diz.

Contraindicações

Já que o Leg Press é um aparelho bastante popular nas academias e trabalha toda a musculatura das pernas, todas as pessoas podem/devem utilizá-lo?

Anderson Couto destaca que, embora o Leg Press seja um ótimo aparelho, alguns cuidados devem ser tomados antes da sua utilização. “Pessoas com problemas de hipertensão, por exemplo, devem evitar esses equipamentos, pois o esforço para fazer a tração com as pernas exige muito do coração e pode gerar alguns riscos. Além disso, aquelas que sentem dores nos joelhos, quadril e lombar, devem ser analisadas com cuidado”, diz.

Cuidados necessários

Vale destacar que até mesmo as pessoas que não têm nenhuma contraindicação, e podem realizar exercícios no Leg Press, devem tomar certos cuidados antes da utilização do aparelho. O professor Anderson destaca quais são eles:

  1. Fazer um aquecimento prévio;
  2. Observar a carga antes de utilizar, principalmente nos equipamentos de anilha;
  3. Atentar-se à posição das pernas no aparelho;
  4. Nunca utilizar o equipamento sem a prescrição de um profissional.

É fundamental ainda que o Leg Press seja utilizado de forma correta para evitar lesões. No caso do aparelho inclinado – usado mais comumente de forma equivocada por algumas pessoas -, a coluna deve estar completamente apoiada no encosto. Os pés devem estar totalmente apoiados na plataforma e alinhados com o joelho e quadril. No momento da flexão, a pessoa não deve deixar o peso voltar demais e o joelho chegar bem próximo ao tórax. Deve-se evitar ainda esticar a perna completamente na volta do movimento. Caso tenha dúvidas, não deixe de pedir orientação ao professor da academia.

Agora você já conhece os bons resultados que o Leg Press pode ajudar você a conquistar na academia! Porém, lembre-se que ele só deve ser utilizado de acordo com orientação do seu professor ou personal. É fundamental ainda respeitar o número de repetições e o tempo de intervalo entre as séries que serão passados pelo profissional.

Assuntos: Boa forma, Fitness

Para você