Fralda descartável: dicas úteis

Veja sugestões de como escolher a fralda ideal e como usá-la da melhor maneira

Escrito por Fernanda Boito

Foto: Thinkstock

A fralda será um item indispensável nos primeiros meses de vida do bebê. Independente da marca e do tamanho é essencial saber escolher a fralda certa, além de usá-la da melhor maneira possível para evitar, principalmente, problemas de saúde na criança. Por isso, confira dicas para saber como escolher a fralda ideal para seu filho e como usá-la de maneira eficaz.

Converse com mães mais experientes

Para as mães de primeira viagem, é importante conversar com mães mais experientes sobre qual a melhor marca de fralda no que diz respeito ao conforto, à respiração da pele do bebê e à absorção.

Antes de optar por comprar qualquer marca, é interessante consultar sites que divulgam testes já realizados com as diferentes marcas de fralda a fim de verificar a resistência do produto.

Ademais, vale a pena lembrar que meninos tendem a fazer mais xixi que as meninas, logo, a fralda usada em meninos deve ser de melhor qualidade para evitar que o xixi fique acumulado por muito tempo nela.

Outra dica é testar a fralda no bebê e verificar se o elástico não está apertado ou largo demais. Marcas de aperto nas pernas e na cintura indicam que o seu bebê cresceu e que o tamanho da fralda deve aumentar.

Quanto vou gastar?

Os preços das fraldas podem variar e, normalmente, as fraldas consideradas como as melhores pelas mães mais experientes são as mais caras. Se o seu orçamento está apertado, a sugestão para equilibrar o gasto com as fraldas é durante o dia, usar fraldas descartáveis mais baratas, de qualidade não tão boa, e deixar as mais caras e normalmente mais resistentes para usar à noite, já que o bebê fica quase 12 horas dormindo sem trocar a fralda.

Como usar melhor a fralda

Fazer a troca da fralda e a higienização de forma adequada ajuda a prevenir doenças causadas por fungos e bactérias que se proliferam na umidade e na presença de fezes e urina. De acordo com recomendações de pediatras, o ideal é trocar a fralda cerca de oito vezes ao dia, especialmente quando você notar que a criança fez xixi ou cocô.

Sugere-se que se observe sempre se a fralda está seca, tanto de urina como de suor, e que troque-a sempre que estiver suja. Na hora da troca, deixe a nova fralda aberta por alguns segundos para ventilar e não se esqueça de limpar bem as “dobrinhas” que acumulam sujeira e de descartar a fralda sempre no lixo, jamais no vaso sanitário. Além disso, guarde as fraldas de pacotes abertos fora do saco, em local fresco, seco e limpo.

Assuntos: Bebês

Dicas pela Web
Comentários