Engordar de maneira saudável é possível?

É essencial entender a diferença entre engordar e ganhar massa muscular para traçar planos de aumento de peso de forma saudável

Escrito por Stéfanie Stefaisk

Foto: Thinkstock

Ao contrário da maioria das pessoas que brigam para baixar os ponteiros da balança, existem aqueles que lutam constantemente para vê-lo subir. Parece um fato estranho, mas a verdade é que existem muitas pessoas que desejam engordar, preferencialmente de maneira saudável. Mas isto é possível?

Segundo o médico Gabriel Reynaldo Ribeiro, especialista em medicina esportiva e vida saudável, engordar de maneira saudável é impossível. Isto porque, na nutrição, existem conceitos que devem ficar muito bem definidos e principalmente diferenciados: engordar e ganhar peso.

Engordar x ganhar Peso

Engordar significa ganhar quilos com aumento da massa gorda, o maior pesadelo da maioria dos adeptos da atividade física e da vida saudável. Gabriel explica que no organismo a gordura se armazena como colesterol e triglicerídeos.

“Comprovados cientificamente, estes elevam o risco de doenças cardiovasculares, tais como infarto cardíaco, AVC (acidente vascular cerebral – derrames), doenças renais e até mesmo perda de visão – além de várias outras.”, afirma o especialista.

Já ganhar peso através do aumento da massa muscular (a chamada massa magra) é não só saudável, como altamente recomendável.

O médico esclarece que, apesar de ser uma definição simples, a diferença entre engordar e ganhar massa engloba uma série de hábitos que definem a qualidade de vida da pessoa: “Quem engorda às custas de gordura geralmente é sedentário e se alimenta mal. Quem aumenta a massa muscular, pratica atividades físicas regulares e se alimenta corretamente”, revela.

Combo alimentação e atividade física

Foto: Thinkstock

Outro erro muito comum das pessoas que não conseguem engordar é achar que, por não conseguir aumentar o peso, estão liberadas para comer de tudo. “Ao comer de tudo, a pessoa ingere alimentos não saudáveis e alguns até dificultam o aumento da massa muscular. Observe que a pessoa magra diz que “come de tudo e não consegue aumentar o peso”. Isso porque a alimentação e os exercícios físicos não estão adequados. Além disso, o excesso leva a diversas doenças”, pondera Gabriel.

Diversos fatores podem levar uma pessoa a engordar, conforme informa Gabriel: “Importante explicar que a pessoa engorda também pela ingestão excessiva de carboidratos e não apenas de alimentos gordurosos. O que for ingerido em excesso é armazenado em forma de gordura. A ingestão descontrolada de carboidratos leva a pessoa a desenvolver Diabetes”. No entanto, a dieta hipercalórica, normalmente recomendada para aqueles que desejam ganhar massa muscular, é uma dieta rica em calorias. Gabriel explica que um erro bem comum é a associação de calorias a carboidratos, mas que na realidade todos os alimentos possuem calorias.

Aos quem acha que por ser magro está liberado da prática de atividades físicas, está muito enganado. Gabriel afirma que o sedentarismo é um mal que deve ser combatido pois as atividades físicas, aliadas à alimentação, são fundamentais para o bom funcionamento do corpo e não existe aumento de massa com apenas um destes fatores. No entanto, tudo é uma questão de equilíbrio: “O excesso de atividades e uma alimentação deficiente podem levar à inversão da balança e à consequente perda de peso. Por isso é fundamental um trabalho em conjunto do médico esportivo, nutrólogo ou nutricionista esportivo e educadores físicos”, analisa.

Suplementos

Foto: Thinkstock

Os suplementos viraram febre entre os adeptos da hipertrofia muscular (aumento da massa magra). De diversos tipos, os suplementos possuem funções bem específicas. Gabriel desmistifica o uso destes complementos e afirma que eles não fazem mal, desde que a pessoa que faz uso tenha sido devidamente orientada por um profissional especialista para que este possa verificar alguma contraindicação e as doses permitidas: “Pelo estilo de vida atual de muito trabalho e pouco tempo em se preparar alimentos (além dos custos), os suplementos se tornam um recurso útil e viável. No entanto, note que é chamado de suplemento e não de substituto”, pondera Gabriel.

Acompanhamento adequado

O acompanhamento adequado é essencial para as pessoas que possuem objetivos nutricionais específicos e com os que desejam aumentar a massa muscular não é diferente. Sem a orientação própria, mesmo quem pratica atividades físicas e ingere alimentos considerados saudáveis não está livre de engordar. Isto porque cada metabolismo reage de uma maneira e por esta razão, o acompanhamento médico é quem fará com que a pessoa atinja os resultados desejados.

Assuntos: Alimentação

Para você