15 dúvidas comuns sobre a máscara de cílios resolvidas

Maquiador fala sobre os diferentes tipos de rímel e as vantagens de usá-los

Escrito por Tais Romanelli

Foto: Thinkstock

A máscara para cílios, ou rímel – como é bastante conhecido -, é produto indispensável no kit de maquiagem de praticamente toda mulher! E não por acaso: ela destaca e ajuda a levantar o olhar, dando, no geral, muito charme ao visual.

Mas é verdade que até mesmo aquelas mulheres que usam a máscara para cílios todos os dias podem ter, vez ou outra, alguma dúvida sobre o assunto.

Afinal, quem nunca parou para pensar se existe algum “truque milagroso” que faça com o que rímel dure mais, deixando seu olhar lindo por muito mais tempo?! Ou ainda: se o curvex faz mesmo a diferença na hora de aplicar a máscara?

Abaixo Luciano Alencar, maquiador do Pierre Louis Coiffeur, esclarece essas e muitas outras dúvidas a respeito das máscaras para cílios.

1. É necessário passar rímel nos cílios inferiores?

“Se a ideia for definir o olhar, sim! Fica maravilhoso”, diz Luciano. Nessa área, o ideal é usar a versão à prova d’água para evitar borrões.

2. O que fazer para conseguir “cílios perfeitos” ou ainda, “de boneca”, usando o rímel?

Luciano Alencar destaca que é preciso passar o rímel em duas etapas. “Na primeira, você passa bem sem espalhar muito e já na segunda, você vem trabalhando ele com o pincel, cuidadosamente”, diz.

3. O que deve ser aplicado primeiramente: o rímel ou o delineador?

O delineador deve ser aplicado sempre em primeiro plano, segundo Luciano, pois ele ajuda a levantar os olhos. “Depois sim, o rímel dará o acabamento”, diz.

4. O que deve ser aplicado primeiramente: o rímel ou a sombra?

“É muito importante que a sombra seja passada antes, pois ela limpa a área que vamos trabalhar”, explica Luciano.

5. Todas as máscaras para cílios são iguais?

Luciano Alencar destaca que não. “Hoje existem no mercado máscaras para todas as funções: alongar, dar volume, somente escurecer, dar o efeito ‘boneca’ etc. A pessoa deve escolher de acordo com o seu objetivo”, explica.

“O rímel à prova d’água é muito mais resistente, enquanto os demais são bem mais leves”, acrescenta o maquiador.

6. Como escolher o rímel ideal?

Conforme o maquiador citou acima, existem diversos tipos de máscara, que oferecem os mais variados efeitos. “Normalmente, na embalagem está escrito para que serve o rímel: alongar, dar volume, alinhar etc. É legal prestar atenção no tipo de pincel que funciona melhor para cada cílio. Tem mulheres que adoram o pincel em formato de bolinha, serve para dar bastante volume”, diz Luciano.

“É legal também misturar dois tipos de rímel: um que dá volume com o que alonga para dar um efeito supercílios”, acrescenta o maquiador.

7. Existe alguma dica para fazer o efeito do rímel durar mais?

“Cada marca tem a sua fórmula, por isso, é bem complicado. O melhor é comprar um rímel de sua preferência e que não te deixe na mão”, diz Luciano Alencar. “Mas se a mulher sabe que vai a uma festa em que vai suar e só chegar em casa de manhã, o rímel à prova d’agua é fundamental”, acrescenta.

8. Quais os benefícios de usar o curvex antes do rímel?

“Acho o curvex indispensável! Ele ajuda em todas as situações: para juntar, separar, enfim, ele dá a forma aos cílios”, diz Luciano. Mas tome cuidado ao usá-lo: não aperte com força, senão os cílios podem se romper.

9. Usar o curvex após o rímel prejudica os cílios?

Luciano Alencar explica que, se for usado um rímel de ótima qualidade, o curvex pode ser passado posteriormente, sem prejudicar os cílios. “Neste caso, só vai ajudar a montar a face. Agora, se o rímel não tiver uma boa qualidade, o curvex pode partir os cílios ao meio”, diz. Por isso, não abra mão de escolher sempre bons produtos!

10. Como evitar que o rímel fique “empelotado”?

“Mantendo o produto sempre em uso”, destaca Luciano. “O rímel novo raramente ‘empelota’. Uma dica é guardar uma escovinha de rímel velha e seca. Se ficar empelotado, passe a escovinha para soltar os cílios”, acrescenta.

11. O rímel pode ser usado para disfarçar cabelos brancos na sobrancelha?

“Sim. E, se for o caso, até os cabelos da cabeça! Claro que tudo de acordo com o tom e a necessidade de cada pessoa”, diz Luciano Alencar.

12. Qual o benefício/vantagem de aplicar uma máscara incolor nos cílios? Ou ela é indicada somente para a sobrancelha?

“Acho justo aplicar nas sobrancelhas, pois ajuda a delineá-las, valorizando o olhar. Quanto aos cílios, acho que não faz muita diferença não”, diz o maquiador.

13. Qual a maneira mais simples de tirar o rímel?

“Um bom demaquilante e óleo de bebê”, sugere Luciano. Algumas máscaras de cílios também já vem com uma composição que facilita a remoção, para que o rímel saia inteiro durante o banho morno, como se fosse de plástico.

14. Quais são os problemas de se dormir com o rímel (e não remover a maquiagem)?

“Além de irritar, a área dos olhos pode ir ficando cada vez mais escura, causando aquele efeito ‘cara de ontem’”, diz o maquiador Luciano. “É importante removê-lo para que não danifique os cílios também, que podem quebrar ao longo do tempo”, reforça o profissional.

15. Até mesmo as mulheres que têm cílios longos devem usar rímel?

“Claro. Se os cílios já forem longos, com rímel ficarão imbatíveis”, finaliza o maquiador.

Agora você já tem todas as informações que precisa sobre as máscaras para cílios. Basta procurar um bom produto, que proporcione os efeitos que você deseja! O sucesso e o charme do make estarão garantidos!

Assuntos: Cílios, Maquiagem

Dicas pela Web