Depilação a laser: saiba mais sobre essa técnica que conquista corações

Escrito por
Em 05.08.19

iStock

A depilação a laser é um método de remoção de pelos cada vez mais buscado pelas mulheres e até mesmo pelos homens. Ela elimina cerca de 90% dos pelos da região tratada de forma progressiva e, atualmente, é praticamente indolor, o que se torna uma grande vantagem diante das outras formas de depilação do mercado.

Continua após o anúncio

Além do mais, a depilação a laser também está bastante acessível, com preços cada vez menores. Veja, a seguir, todas as informações sobre a técnica!

Como funciona a depilação a laser?

A depilação a laser é uma técnica de remoção de pelos feita através de aparelhos específicos. Funciona da seguinte forma: o aparelho se posiciona na área do corpo desejada e, por meio dos raios lasers em pulsos, a melanina do pelo vai sendo danificada.
É indicado para pessoas que têm pelos grossos, escuros e em grandes quantidades. Também é de grande valia para aqueles que não têm tempo de se depilar em curtos períodos de tempo.

Dermatologista responde principais dúvidas sobre a depilação a laser

iStock

A depilação a laser é um procedimento relativamente novo no Brasil e, por isso, ainda inspira muitas dúvidas nas pessoas. Para ajudar, procuramos a dermatologista Ana Pellegrini (CRM 5253066-0), especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, que respondeu algumas questões sobre o assunto. Confira!

Leia também: Vaselina: benefícios e truques de como usar no dia a dia

Que profissionais podem fazer a depilação a laser? Médicos e outros profissionais de saúde que tenham liberação pelo seu conselho de classe.

A depilação a laser dói? O tratamento, geralmente, não necessita de anestesia em creme ou injetável. Na aplicação, o paciente sente como se um elástico batesse na pele ou um fraco beliscão. É um método seguro, rápido e praticamente indolor.

Quais são as vantagens da depilação a laser? A principal vantagem é a eficácia superior a outros métodos de depilação na redução tanto do número de folículos pilosos quanto na espessura. A desvantagem é não ser eficaz em pelos brancos, pois o laser necessita da absorção da luz pela melanina do folículo piloso para que ocorra a fototermólise seletiva, destruidora do folículo.

Continua após o anúncio

Quantas sessões são necessárias? Quanto mais grosso e escuro o pelo, mais rápido é o resultado. Inicialmente, ocorre uma depilação de longa duração, para depois de 3 a 6 sessões começar a ocorrer uma depilação permanente.

Existe algum risco na depilação a laser? Após a aplicação, o local pode ficar levemente avermelhado ou inchado, regredindo em poucos dias. Raras vezes pode ocorrer uma queimadura superficial ou alterações na cor da pele, ambas geralmente transitórias.

Leia também: Creme para olheiras: os melhores produtos para rejuvenescer o olhar

Quais são as contraindicações? Qualquer pessoa pode fazer a depilação a laser, desde que não esteja bronzeada. Não há interferência nas atividades diárias do paciente. Após a aplicação, ele pode retornar ao trabalho, havendo em poucos casos uma vermelhidão local que regride em poucas horas. Raramente ocorre a formação de bolhas e crostas. Existem aparelhos no mercado mais seguros para peles morenas.

Que cuidados devem ser tomados após a depilação a laser? Tratamentos com cremes a base de ácidos na região depilada devem ser suspensos com 7 dias de antecedência do começo do tratamento até o fim das sessões. Se estiver bronzeada (natural ou artificialmente), também é necessário aguardar no mínimo 30 dias para realizar a primeira sessão de depilação a laser. Durante o tratamento, ou seja, entre as sessões, não se depile com pinça, cera quente ou fria ou com nenhum outro método que arranque os pelos pela raiz. Basicamente, não realize nada que possa alterar a cor ou textura da pele.

Os pelos podem voltar? Sim. Existem células que são capazes de se transformar em qualquer tecido corporal e produzir um novo pelo. A maioria dos folículos pilosos sofre miniaturização se os protocolos de tratamento forem seguidos rigorosamente.

Caso você tenha alguma dúvida sobre o assunto, consulte seu ou sua dermatologista para saber se você realmente pode se livrar dos seus pelos por meio dessa técnica.

Preço da depilação a laser

Muitos enxergam a depilação a laser como um procedimento caro e pouco acessível. Porém, isso não é necessariamente uma regra. Atualmente, cada sessão custa entre 150 e 1000 reais, dependendo da área escolhida e de outros motivos.

Leia também: Depilação egípcia: conheça os benefícios e saiba como ela é feita

  • O preço varia de acordo com a região que você mora: lugares quentes, com clima tropical, tendem a estipular valores mais altos devido à grande procura. Lugares frios, valores mais baixos.
  • Profissionais mais qualificados podem cobrar mais: quanto mais o profissional tiver investido em sua formação e qualificação, maiores as chances de o seu serviço ter um valor acima do cobrado pelo mercado.
  • Desconfie de preços muito baixos: serviços com custo baixo, normalmente, possuem qualidade inferior. Isso pode trazer sérios riscos à sua saúde.
  • Portanto, antes de escolher onde fazer a depilação a laser, não deixe de avaliar a qualificação do profissional e do serviço. Sua saúde é muito mais importante do que o seu bolso!

    Continua após o anúncio

    Experiências e resenhas com depilação a laser

    É sempre bom ouvir a opinião de alguém que experimentou o serviço, não é mesmo? Há, no Youtube, diversos relatos sobre a experiência com depilação a laser. Veja alguns deles agora mesmo!

    Tudo sobre depilação a laser

    A youtuber Mari Saad sempre sofreu com o excesso de pelos no corpo inteiro. Era adepta da depilação com cera, porém os pelos encravavam e davam alergia. Ela buscou um dermatologista para resolver o seu problema, e ele indicou a depilação a laser. Por meio de 6 “verdades”, Mari conta sua experiência, dando várias dicas.

    Primeiras impressões, valor e dor

    A Morena Raiz, assim como a Mari Saad, sofria com o excesso de pelos pelo corpo e os machucados causados pela depilação com cera. No vídeo, além de contar a sua positiva experiência com a depilação a laser, Morena dá ênfase aos valores, dores e à receptividade da clínica em que fez o procedimento.

    Depilação a laser: um ano depois

    Um ano após realizar a depilação a laser em diversas partes do corpo, a Sabrina Della Torre conta se realmente valeu a pena. A ênfase do vídeo está no fato de o procedimento não ser 100% definitivo, mas facilitar bastante a vida de quem sofre com os pelos a mais.

    Caso queira mais informações sobre o assunto, não deixe de conferir um pouco sobre a depilação caseira e aprender muito mais!

    Gostou de aprender mais sobre depilação a laser? Então, antes de optar pela depilação a laser, informe-se a respeito do tratamento e busque sempre tirar suas dúvidas com um(a) bom/boa dermatologista.

    Continua após o anúncio

    Para você