Dicas de Mulher Dicas de Casa

Como guardar roupas de inverno

Dicas para conservar suas roupas de frio intactas até o próximo inverno

em 22/06/2012

Quando as temperaturas começam a subir, é hora de guardar as roupas mais pesadas de lado e trocar o figurino por peças mais leves. Mas não vale mudar as roupas de inverno de lugar no armário e colocar tudo na prateleira mais alta, de qualquer jeito. Existem algumas regras básicas para que seu guarda-roupa de frio permaneça intacto até o próximo inverno.

A primeira coisa que você precisa saber é que os piores inimigos das roupas de inverno são mofo, fungos, bolores, traças e ácaros. Para evitá-los, cada tipo de tecido merece um cuidado especial. Confira algumas dicas e saiba como guardar roupas de inverno corretamente.

Por ser uma fibra natural, a lã requer cuidados para não criar micro-organismos. Por isso, antes de guardar, o ideal é lavar cada peça com detergente neutro ou sabão de coco líquido. Uma dica importante: as roupas de lã não devem ser centrifugadas.

Depois de limpas e secas, o correto é guardá-las dobradas em sacos de TNT. Não guarde as roupas de lã penduradas em cabides, como o tempo elas podem ficar deformadas.

Couro

O erro mais comum ao guardar peças em couro é usar sacos plásticos para o armazenamento. Como o couro é de origem animal, está sujeito ao ataque dos terríveis fungos, principalmente se for guardado em locais úmidos e escuros.

Por isso, as peças não devem ser colocadas em sacos ou capas plásticas, já que esse tipo de embalagem cria o habitat perfeito para que os micro-organismos se proliferem. Prefira usar capas escuras de TNT e se as peças forem ficar no armário por um longo período, o ideal é colocá-las cada 30 dias em local fresco e com sombra.

Vale também deixá-las no sol, mas sem remover a capa. Nunca guarde casacos e jaquetas de couros se estiverem úmidos, tanto por água como por suor.

Couro sintético

Está menos sujeito à ação de micro-organismos, à luz e à umidade. No entanto, tem durabilidade menor e a pelagem das peças que imitam camurça vai se desgastando tanto na lavagem como no uso. Ao contrário do couro natural, o couro sintético não precisa ser guardado em capas de TNT e também não requer restrições quanto à luz. Os tecidos sintéticos costumam impedir a transpiração, por isso é aconselhável limpar a peça após o uso.

Camurça

A camurça é um tecido delicado, principalmente na remoção de manchas. Além disso, não pode ser limpo com água. O correto é fazer a limpeza da camurça com sprays específicos, sempre com muito cuidado.

Para quem não tem muita habilidade, o melhor é procurar lavanderias especializadas para fazer o serviço, isso porque camurça mancha facilmente e a cada lavagem muda a tonalidade. Na hora de guardar, todo cuidado é pouco e servem as mesmas orientações usadas para roupas de couro. Caso contrário, as peças podem se tornar alimento para traças e cupins.

Náilon

A fibra sintética desse tipo de tecido é impermeável ao vento e aos líquidos. Por isso, após o uso os casacos de náilon devem ser limpos e completamente secos para só então serem guardados. Caso contrário, o suor retido pode causar um odor desagradável à peça.

Mas atenção, as peças de náilon não podem ser lavadas na máquina. Outro cuidado para a preservação das peças é não deixá-las expostas ao sol por muito tempo, pois o tecido pode ficar amarelado.

Comentários
Dicas relacionadas