Como ganhar uns quilinhos

Saiba como ganhar peso de maneira saudável

Escrito por Alessandra Busko

Muitas mulheres vivem em guerra com a balança, fazem várias dietas e exercícios para ficar sempre em forma, mas nunca estão satisfeitas. Já outras mulheres têm problemas na ingestão de alimentos e sua maior dificuldade está em ganhar alguns quilinhos, o que pode ser tão sério quanto a obesidade e trazer várias complicações para a saúde.

As causas mais comuns de magreza excessiva podem ser a ingestão insuficiente de alimentos, estresse, anorexia nervosa, hipertiroidismo, problemas de má absorção de determinados nutrientes e em alguns casos, excesso de atividade física.

Muitas vezes o problema começa em fases importantes do crescimento, onde o hábito alimentar não foi adequado e o ganho de peso foi insuficiente, contribuindo para a magreza excessiva.

Existem casos que podem ser hereditários, onde as pessoas são magras desde a infância e dificilmente conseguem ganhar peso, mas essa tendência pode mudar se ocorrerem alterações metabólicas que levam o organismo a acumular tecido gorduroso e sofrer uma grande perda de massa muscular. Possuir uma estrutura muito magra, não quer dizer necessariamente que há uma boa reserva de tecido muscular e pouco tecido gorduroso.

Para quem está se sentindo incomodada e quer ou precisa ganhar alguns quilos, é indicado praticar alguma atividade física para ganhar massa muscular, acompanhada de uma alimentação adequada que proporcione o ganho de peso sem prejudicar a saúde.

Não adianta aumentar a quantidade de alimentos como doces, massas e gorduras para ganhar peso, pois o consumo exagerado além de prejudicar a saúde, pode causar danos perigosos como elevação dos níveis de gordura no sangue e problemas cardiovasculares. O mais apropriado é seguir a orientação de um nutricionista para fazer uma dieta saudável e balanceada.

Dicas para ganho de peso saudável

Consuma massas e cereais que não possuem muita gordura como, por exemplo, pão francês, macarrão cozido, derivados de milho, arroz, feijão, ervilha entre outros tipos de grãos, em sopas, cremes e saladas. O consumo de alimentos com proteínas de origem animal (queijo, leite, carne e peixe) é indicado, mas não se deve exagerar nos que possuem muita gordura, como o queijo amarelo, isso evita o aumento do nível de colesterol no sangue. Prefira os que possuem menor teor de gordura.

Temperar as saladas com azeite é uma forma de consumir um pouco mais de gorduras sem correr riscos para a saúde. Evite alimentos que dão a falsa sensação de estômago cheio e faça de 5 a 6 refeições ao dia, moderadamente. Coma frutas, alimentos variados de boa qualidade e enriquecidos, como produtos de laticínios, grãos e farinha.

Assuntos: Alimentação

Para você