Dicas de Mulher Dicas de Comportamento

Como fazer o companheiro ajudar nas tarefas domésticas sem ter que pedir

Aprenda a conciliar junto com seu parceiro a manutenção e limpeza da casa, o trabalho fora e a vida a dois, afinal limpeza não é responsabilidade só da mulher

em 08/10/2014

Foto: Thinkstock

Segundo uma pesquisa realizada em 2012 pelo IBGE o percentual de mulheres que trabalham fora alcançou o índice de 61% da população brasileira. Ainda segundo os indicadores Sociais do Instituto de pesquisa, aproximadamente 90% das mulheres que trabalham fora declaram que também são responsáveis pelos afazeres domésticos dedicando uma média de 20 horas semanais para a atividade. No caso dos homens, 46% deles afirmaram que ajudam nas atividades domésticas e dedicam cerca de 9 horas por semana para a função.

Apesar de a mulher estar inserida no mercado de trabalho há alguns anos e contribuir significativamente na renda familiar, dedicando a mesma quantidade de horas no trabalho que um homem, os números mostram que o pensamento machista ainda faz parte da realidade do país.

Para muitos casais essa situação de divisão de tarefas é o estopim para discussões e brigas. Mulheres reclamam que os homens não ajudam o suficiente, enquanto a queixa masculina é a de que as mulheres são muito exigentes e detalhistas.

A pergunta é: como melhorar essa relação e conciliar a manutenção e limpeza da casa, o trabalho fora e a vida a dois? Conheça alguns passos que podem te ajudar nessa missão.

1. Divisão igualitária

Procurem dividir as tarefas de maneira justa, de forma que nenhum saia prejudicado. Vocês podem realizar as tarefas juntos, dividir por cômodos ou ainda dedicar alguns minutos do dia para a realização de uma tarefa específica. A forma como vocês irão organizar a rotina vai depender do estilo de cada casa e de cada casal. O importante é que ambos colaborem de maneira igualitária.

2. Saiba conversas e orientar

Agressividade e estupidez não vão ajudar em nada na hora da divisão de tarefas. Procure deixar o nervosismo de lado e diga ao seu parceiro de que forma ele pode te ajudar. Seja clara e objetiva, sem agir com grosseria. Os homens não possuem a incrível capacidade de adivinhar o que queremos, por isso, explique passo a passo!

3. Escolha o momento certo

Quando você chega em casa cansado do trabalho qual é o primeiro pensamento que vêm a mente? Sentar e dar uma relaxada no sofá é uma das opções, não é mesmo? Por isso, nada de recepcionar o seu esposo com o rodo e o pano de chão dando as ordens do que precisa ser feito, afinal você não gostaria de ser recebida assim – gostaria?. Espere ele chegar, trocar de roupas. Tomem um café da tarde juntos e então aborde o assunto: “amor, vamos limpar a casa?” Lembre-se de que fazer as tarefas domésticas é responsabilidade de ambos, então não encoraje o pensamento de que “faxina é coisa de mulher”.

4. Seja menos crítica e tenha mais paciência

Mulheres têm tendências perfeccionistas, não é mesmo? A maior reclamação dos homens é a de que sua esposa é muito crítica e detalhista quanto à organização doméstica. O fato é que sempre há como melhorar, mas não podemos exigir que o outro faça exatamente do nosso jeito.

Procure pegar mais leve e ter mais paciência com o cônjuge. Às vezes é necessário relevar algumas coisas. Faça menos críticas e pare para observar pontos positivos do seu parceiro. É válido lembrar que nós mulheres fomos sempre mais incentivadas a aprender sobre as coisas da casa e os homens não, por isso nem sempre eles tem facilidade com isso. Mas vale a pena ter paciência, ensiná-lo e quando vocês tiverem filhos, fazer o mesmo com as meninas e os meninos também.

5. Aprenda a fazer elogios

Substitua as críticas pelos elogios. Seu marido fez algo que não estava acostumado a fazer e demonstrou interesse em te ajudar? Elogie! Se você pensar: “não fez mais do que a obrigação” vai estar criando um clima bem pesado para o relacionamento. Quando nos tornamos uma presença agradável na vida de nosso parceiro vemos que naturalmente ele vai se tornando mais cuidadoso com as coisas da casa.

Dicas de ouro para você seguir

Foto: Thinkstock

  • Se você ainda não é casada passe a observar o seu namorado no quesito organização e limpeza. Comece, antes mesmo de se casar, a conversar sobre como você e seu parceiro vão organizar e dividir as tarefas domésticas;
  • Não troque ajuda por sexo. Se você fizer um troca com seu marido do tipo: “se me ajudar você tem benefícios”, só estará desgastando o relacionamento;
  • Se ambos trabalham muitas horas fora e gastam tempo com outra atividade como os estudos, a sugestão é contratar uma diarista. Se não for possível, o ideal é estipular um dia da semana para que ambos façam a limpeza juntos – tipo: o dia da faxina!

Cada casal tem a sua própria forma de organizar como dividirão as tarefas domésticas. Mas, de forma geral, o caminho para conseguir que ele ajude naturalmente sem você precisar pedir toda vez é ter paciência, convidá-lo aos poucos para começar a ajudar, reforçar positivamente as tentativas dele e guiá-lo nas atividades que ainda não domina. Assim, vocês conseguirão, de forma natural e harmônica, tornar a divisão de tarefas algo comum dentro de casa.

Comentários
Dicas relacionadas