Como afinar a cintura com os exercícios, alimentos e looks certos

Praticar abdominais e apostar em alimentos que auxiliem na queima de gordura abdominal são alguns dos passos

Escrito por Tais Romanelli

Foto: Thinkstock

Nenhum corpo é igual ao outro. Algumas mulheres têm quadris ou ombros mais largos, outras têm seios maiores ou ainda, pernas mais grossas, entre outras características que fazem cada pessoa ser única. E a dica para todas elas é saber valorizar o que há de mais bonito em sua forma física e, se preciso, contar com algumas orientações e até “truques” para disfarçar algum detalhe que lhe incomode.

Um desejo comum entre muitas mulheres é ter uma cintura mais fina, o que confere às produções um charme todo especial, independentemente da ocasião. E a boa notícia é que existem diversos exercícios físicos e alimentos que ajudam na busca por esse objetivo.

Além disso, a escolha de roupas certas também é importante e pode conferir à mulher a ideia de uma cintura mais fina.

Abaixo, confira várias orientações para, de fato, “afinar a cintura”, com exercícios e alimentação e, também, alguns “truques da moda” que podem ajudar neste objetivo, dando a você a aparência de ter uma cintura mais fina.

Exercícios físicos

Foto: Thinkstock

Rodrigo da Silva, profissional de Educação Física e gerente regional da Smart Fit de Brasília, explica que os exercícios que mais ajudam a mulher a afinar a cintura são os abdominais (oblíquos e transversos). “Eles auxiliam a pessoa a ter uma postura mais ereta e, consequentemente, acontece o afinamento da cintura”, diz.

O profissional destaca que alguns exercícios podem, inclusive, ser feitos em casa. Conforme as orientações:

Exercício (1)

Posição inicial: deitada de costas em um colchonete, com os joelhos flexionados e os pés apoiados no chão, as mãos entrelaçadas segurando a nuca.

Movimento: flexionar o tronco em diagonal, direcionando o cotovelo direito no joelho esquerdo e voltar à posição inicial; repetir o outro lado.

Exercício (2)

Posição inicial: deitada de lado em um colchonete, com os joelhos flexionados e apoiados no chão.

Movimento: apoiando o lado direito no chão, flexionar(elevar) o tronco lateralmente aproximando o cotovelo ao quadril, e voltar a posição inicial. Repetir o movimento do outro lado.

Exercício (3)

Posição inicial: deitada de lado em um colchonete, apoiando os cotovelos no colchonete, com as pernas estendidas e os pés apoiados no chão.

Movimento: apoiando o lado direito no chão, suspender o quadril e segurar por 30 segundos, e voltar a posição inicial. Repetir o movimento do outro lado.

“Comece com poucas repetições e aumente conforme seu condicionamento”, orienta Rodrigo da Silva.

Alimentos para uma cintura mais fina

Foto: Thinkstock

A nutricionista Sabrina Lopes explica que existem alimentos que ajudam a afinar a cintura, porque auxiliam na queima de gordura abdominal e ajudam a combater a inflamação nas células. Abaixo, a profissional cita e fala sobre eles:

Cereais Integrais: ajudam a regular a função intestinal e mantêm em equilíbrio os níveis de insulina e glicemia. Também são ricos em vitaminas B, o que ajuda a controlar o cortisol do corpo (esse hormônio em excesso, junto ao estresse, acumula gordura na região abdominal).

Saladas Cruas e Frutas: possuem alto teor de fibras, garantindo o bom funcionamento do intestino e auxiliando na redução das medidas.

Brócolis: além de possuir alto teor de fibras, também possui um bom teor de cálcio – um mineral que ajuda a espantar a gordura.

Salsinha: possui uma ação diurética, limpando os rins e filtrando o sangue. Nesse processo uma boa quantidade de sódio é eliminada do organismo, fazendo com que “afine a cintura”.

Frutas Vermelhas (morango, cereja, amora, framboesa e mirtilo): essas frutas são antioxidantes que ajudam a controlar o processo inflamatório, mais conhecido como “gordurinhas”. Também auxiliam na limpeza sanguínea.

Pimenta Vermelha: a capsaicina, um princípio ativo da pimenta, possui efeito termogênico que acelera o metabolismo e auxilia no gasto de energia e na quebra de células de gordura.

Gengibre: assim como a pimenta vermelha, possui o efeito termogênico que acelera o metabolismo.

Canela: além de possuir o efeito termogênico, ela também ajuda a diminuir a sensação de fome.

Chá Verde: o chá verde é um poderoso aliado, porque possui efeito termogênico, ajuda na hidratação, diminui a fome excessiva e melhora a digestão. Esses efeitos evitam o acumulo de toxinas no organismo.

Chá de Hibisco: ajuda a regular o intestino, combate os radicais livres por ser rico em antioxidantes e combate a retenção de líquidos.

Suco de Limão: tem efeito diurético. Na casca possui fibras que ajudam a dar sensação de saciedade, e também possui um efeito positivo no metabolismo.

Salmão, Atum, Bacalhau e Sardinha: são peixes ricos em ômega 3, que aumenta o HDL e reduzem o LDL. Isso evita o acúmulo de colesterol nocivo à saúde e ajuda a melhorar o metabolismo. O ômega 3 também age aumentando a saciedade.

Iogurte Desnatado: rico em cálcio e pobre em gorduras. Auxilia na redução de gorduras, porque mexe com o metabolismo acelerando a queima de gorduras.

Cogumelo, Nozes, Aspargo e Levedo de Cerveja: são ricos em cromo, que ajuda na redução de gordura abdominal e na gordura total. Também auxilia a reduzir a compulsão por doces e controla o apetite.

Looks que afinam a cintura e valorizam a silhueta

Foto: Thinkstock

Algumas roupas têm o poder de conferir à mulher a aparência de uma cintura mais fina.

Ana Vaz, consultora de imagem e estilo, explica que os looks certos para isso são aqueles que respeitam o desenho da cintura ou o criam. Dessa forma, excluem-se as blusas, blazer, casacos e vestidos de corte reto. “Blusas de corte reto só criarão a ilusão de cintura fina se forem feitas em tecidos molinhos e usadas por dentro de calças e saias”, diz.

De acordo com a consultora de estilo, as saias em corte A são as melhores para criar essa ilusão, bem como as calças deste corte (pantalonas de pernas não muito largas e em tecidos molinhos).

“Se a mulher tiver a cintura mais grossa, vale investir em blusas de cor escura e peças de baixo mais claras”, destaca Ana Vaz.

Ainda de acordo com a consultora, blusas e casacos que criam a ilusão de cintura são os que já têm na própria peça o desenho desta cintura (afunilam em direção à cintura e se abrem a partir dela, criando um desenho de ampulheta).

Inspire-se com algumas peças e looks que seguem os conceitos descritos acima:

Foto: Reprodução / Blog da Mariah

Foto: Reprodução / Blog da Thassia

Foto: Reprodução / Supervaidosa

Foto: Reprodução / Claudinha Stoco

Foto: Reprodução / Entre Topetes e Vinis

Agora você já tem boas dicas para conquistar uma cintura mais fina! E a proposta é unir todas essas orientações – seguindo uma boa alimentação, fazendo exercícios que auxiliem nesse processo e escolhendo peças certas na hora de montar seus looks – para alcançar melhores resultados.

Vale destacar também que, quando associadas a uma boa alimentação e a atividades físicas, algumas massagens também podem ajudar a afinar a cintura. Uma dica é procurar uma clínica estética e ver quais tratamentos podem ajudar você a alcançar seu objetivo ou, também, fazer, em casa mesmo, massagens com a aplicação de cremes redutores.

Assuntos: Corpo

Dicas pela Web
Comentários