Botox: saiba mais sobre o procedimento e os usos além da estética

Escrito por
Em 10.07.20

iStock

O botox é um dos procedimentos mais conhecidos no meio estético. Mas você sabia que ele possui outras utilidades? Saiba do que se trata, para que serve, os cuidados a serem tomados e as experiências de quem já fez a aplicação. As informações são da dermatologista Aline Somacal (CRM 25661), da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Confira:

Continua após o anúncio

O que é botox?

Segundo a dermatologista, botox é um dos nomes comerciais da toxina botulínica, “uma neurotoxina produzida por uma bactéria que causa o botulismo, doença grave onde ocorre paralisia dos músculos.” Aline explica: “para fins estéticos, aplica-se doses muito pequenas desta toxina em determinados pontos da musculatura do rosto, responsáveis pela mímica facial, promovendo uma paralisia temporária nestes locais.”

Para que serve o botox

iStock

Apesar de seu fim mais conhecido ser atenuar as linhas de expressão, a dermatologista explica que o botox tem diversas utilidades. Veja a seguir:

  • Uso estético: segundo Aline, o botox “promove melhora das linhas de expressão do terço superior do rosto: ao redor dos olhos (pés de galinha), entre as sobrancelhas (rugas de bravo) e na fronte. No rosto, ainda pode ser usado no pescoço, no músculo masseter, no queixo, na ponta do nariz e na correção do sorriso gengival.”
  • Uso cirúrgico: a aplicação do botox resulta em uma “melhora no aspecto de feridas cirúrgicas, cicatrizes hipertróficas e quelóides”.
  • Uso dermatológico: se aplicado em microdoses, atua como adjuvante no tratamento de acne, rosácea, poros abertos e outras doenças dermatológicas mais raras. Pode ser usado para tratar a hiperidrose (suor excessivo) em axilas, mãos, pés e face.
  • Uso oftalmológico: tratamento de estrabismo e blefaroespasmos.
  • Uso neurológico: tratamento de espasticidade, distonias e enxaqueca crônica.
  • Outros usos: o botox também pode ser usado em mulheres asiáticas para “afinar” as panturrilhas e o músculo trapézio, para rejuvenescimento escrotal e no tratamento de dores crônicas.

A especialista comenta que “a duração dos efeitos da toxina botulínica varia conforme o tipo de pele, idade e atividades praticadas, mas, em geral, duram de 4 a 6 meses.”

Cuidados e contraindicações do botox

A dermatologista Aline Somacal alerta que “é necessário fazer o procedimento com um profissional adequado e habilitado para isso.” Informe o médico se você faz uso de medicamentos, vitaminas ou se está grávida.

A especialista alerta que “as aplicações devem ser feitas em locais onde as normas de higiene e assepsia são adequadas, como hospitais, clínicas ou consultórios médicos, e não devem ser realizadas em salões de beleza, a domicílio, shoppings ou locais impróprios. É um procedimento que usa agulhas, e estas devem ser de uso individual e descartadas após o uso, para evitar transmissão de doenças.”

A dermatologista deixa o alerta: “sempre desconfie de locais que oferecem preço muito abaixo do valor do mercado, pois há um risco de ter reaproveitamento de materiais, produto de má qualidade e altas diluições do produto, comprometendo a efetividade e segurança.” Ainda, é preciso respeitar o período mínimo para a reaplicação, que é de 4 meses.

De acordo com a especialista, o botox é contraindicado para “grávidas, portadores de doenças neuromusculares (como miastenia gravis), alérgicos ao produto e pacientes que fazem uso de determinados medicamentos.”

Continua após o anúncio

Dúvidas frequentes

iStock

A seguir, tire suas dúvidas sobre o procedimento a partir de informações da dermatologista:

Somente médicos podem aplicar o botox? Sim, apenas médicos podem realizar o procedimento. Dentistas o fazem em casos de bruxismo ou assimetrias no sorriso – situações que estão relacionadas com o tratamento odontológico. Para a compra do produto, por exemplo, é necessário verificar o registro do profissional no seu conselho de classe (CRM ou CRO).

A aplicação dói? O grau de dor pode variar de pessoa para pessoa, mas em geral é um procedimento com pouquíssima dor, muito bem tolerado. A aplicação é feita com agulhas de insulina, praticamente indolor.

Precisa de repouso após a aplicação? Não é necessário repouso, porém, recomenda-se evitar atividades físicas ou esforços intensos por 24 horas após o procedimento. Também deve-se evitar deitar, abaixar a cabeça ou manipular a área tratada por 4 horas após o procedimento, para evitar difusão do produto.

Agora que você já sabe mais sobre o procedimento, confira as experiências de quem já utilizou o botox.

Saiba mais sobre o botox

Veja os vídeos com as experiências de quem já passou pelo procedimento e tire suas últimas dúvidas:

Botox: dói? Quanto custa?

Nesse vídeo, você aprende mais sobre a toxina botulínica, o procedimento e o pós-aplicação. Veja também os resultados do botox quando aplicado no rosto.

Botox: passo a passo da aplicação

Continua após o anúncio

Tem curiosidade de saber como o botox é aplicado? Esse vídeo mostra todo o passo a passo, desde as marcações até o resultado pós-procedimento.

Botox e arrependimentos

Há quem tenha se arrependido de ter colocado o botox. Antes de fazer a aplicação, veja esse vídeo para pesar os efeitos e se certificar de que o procedimento é realmente o que você deseja.

Lembre-se de que cada caso deve ser analisado por um profissional e é preciso estar alerta sobre quem faz o procedimento e quais os produtos utilizados na aplicação. E se você não descuida da pele e do bem-estar, aproveite para conhecer os benefícios do gua sha.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.