10 benefícios incríveis do chá de alecrim

O alecrim é conhecido por suas propriedades anti-inflamatórias e, inclusive, por ser um bom digestivo e nos ajudar contra a dor – mas não é só isso!

Escrito por Ana Fonseca

Foto: iStock

Chás são opções saborosas para hidratar o corpo e, de quebra, ainda fazem bem à saúde. O bacana nesse sentido é conhecer bem as ervas que se escolhe para o preparo da bebida e, assim, entender melhor seus benefícios e suas indicações.

Hoje falaremos especificamente do chá de alecrim, que tem um sabor agradável, um ótimo aroma e, para melhorar, é de fácil acesso, o que significa que você não vai ter dificuldades de encontrá-lo, já que é usado também em receitas culinárias.

O alecrim é conhecido por proporcionar benefícios em aspectos diversos ao nosso corpo, melhorando questões que vão desde a digestão e a saúde da pele até funções cognitivas. Além disso, o alecrim ajuda a reduzir processos inflamatórios, diminuir a dor e melhorar a função do rim.

Em termos estéticos, esse chá nos ajuda a ter cabelos mais resistentes e sedosos e, inclusive, deixa a pele mais bonita e iluminada. Acha que é pouco ainda? Pois saiba que ele também já foi estudado por suas propriedades relacionadas à prevenção do câncer!

Nem tudo são flores, no entanto: o chá de alecrim, principalmente quando tomado em excesso, pode ter alguns efeitos indesejados, como náuseas, vômitos, espasmos e contrações uterinas, por isso não é indicado para mulheres grávidas. Para conhecer esses aspectos mais detalhadamente, confira as explicações a seguir:

Leia também: Chá para insônia: aprenda a fazer e tenha uma boa noite de sono

1. Bom para a pele

Foto: iStock

Por ter propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, o alecrim acaba fazendo bem à saúde da pele e melhora a circulação sanguínea. Alguns estudos já mostraram que a erva é eficiente para o tratamento de casos de eczema, justamente por sua ação eficiente em inflamações.

2. Ótimo para a circulação sanguínea

Foto: iStock

O alecrim tem propriedades anticoagulantes e age de forma semelhante à aspirina, o que melhora o fluxo da corrente sanguínea e ainda nos deixa com maior sensação de energia.

3. Bom para funções cognitivas

Foto: iStock

O alecrim tem uma substância chamada ácido carnósico, que melhora a memória e protege nossas conexões neurais. É ótimo, então, para pessoas em fase de envelhecimento, por prevenir o desenvolvimento da Doença de Alzheimer.

4. É digestivo

Foto: iStock

Com propriedades antiespasmódicas, o alecrim é uma boa solução para pessoas que sofrem com indigestão, constipação intestinal, dores abdominais e inchaço. Além disso, ele é conhecido também por melhorar a nossa absorção de nutrientes.

5. Previne o câncer

Foto: iStock

De novo, por causa de seus antioxidantes, o alecrim consegue neutralizar a ação de alguns radicais livres, conhecidos por provocar mutações celulares e desencadear tumores. O ácido rosmarínico, presente no chá, assim como o ácido cafeico e o carnosol, são substâncias associadas especialmente à redução da incidência do câncer de mama.

Leia também: 11 razões surpreendentes para você beber mais água

6. Age em inflamações

Foto: iStock

O ácido carnósico do alecrim reduz os níveis de ácido nítrico do corpo, uma substância conhecida por desencadear processos inflamatórios. Por causa disso, o alecrim é uma boa pedida para quem tem artrite, dores de cabeça, dores musculares, doenças das articulações e hemorroidas.

7. É também um analgésico

Foto: iStock

O alecrim é famoso também por reduzir a dor, justamente pela sua ação parecida com a da aspirina.

8. Melhora a saúde do cabelo

Foto: iStock

Esfregar o chá de alecrim no couro cabeludo é uma boa ideia, já que ele melhora o condicionamento dos fios e ajuda você a se livrar da caspa. Como é um ótimo antibacteriano, o alecrim nos protege de doenças de pele e nos ajuda a perder menos cabelo.

9. Bom para o fígado

Foto: iStock

O alecrim melhora o funcionamento do fígado e ajuda o corpo a se desintoxicar, o que acaba sendo bom para outros órgãos e, claro, para a sua aparência.

10. Seu sistema nervoso agradece

Foto: iStock

Bom para quem sofre de estresse e ansiedade, o chá de alecrim é bastante conhecido por suas propriedades calmantes e relaxantes. Ele não deixa que o hormônio do estresse aumente rapidamente e nos ajuda a manter a calma.

Leia também: Conheça os benefícios da água de arroz para sua pele e saúde

Como preparar o chá

Foto: iStock

Em uma panela ou leiteira, ferva a água e espere que ela perca um pouco do calor. Depois, adicione alguns ramos de alecrim e deixe a erva de molho entre cinco e seis minutos. Em seguida, coe a mistura em uma xícara e tome, de preferência sem adoçar.

Contraindicações

Em algumas pessoas, o alecrim pode provocar reações alérgicas fortes e distúrbios do intestino, além de contrações uterinas, vermelhidão e hemorragia, especialmente quando consumido em grandes quantidades. Para evitar o perigo, o indicado é o consumo de no máximo duas xícaras de chá por dia.

Antes de passar a tomar chá regularmente, convém conversar com seu médico, para que ele avalie sua saúde. O chá não é indicado para mulheres nos grávidas ou que estão amamentando.

Pessoas com distúrbios convulsivos, problemas estomacais, alergia a aspirina e desordem hemorrágica também não devem consumir a bebida. Igualmente importante é frisar que o chá não substitui qualquer tratamento médico que você já esteja fazendo. Com esses cuidados em mente, é possível aproveitar os benefícios do alecrim sem descuidar da saúde!

Leia também: Chá de eucalipto: aprenda como fazer e conheça seus principais benefícios

Dicas pela Web
Comentários