10 benefícios do espinafre que fazem a diferença na sua alimentação

Escrito por
Em 09.10.20

iStock

Os benefícios do espinafre são incríveis e consumi-lo junto a uma variedade de hortaliças colabora para uma alimentação balanceada. Para saber tudo sobre esse alimento, além de dicas e receitas, acompanhe a matéria na íntegra!

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

10 benefícios do espinafre

Entrevistamos a nutricionista Jaqueline de Barros (CRN3 – 29387), que separou uma lista supercompleta com os principais benefícios do espinafre. Confira:

  1. Alimento antimicrobiano e antioxidante: segundo informações da nutricionista e de um artigo publicado na Universidade Autônoma de Madri, o espinafre é conhecido por sua atividade antimicrobiana e antioxidante.
  2. Fonte de fibras: o consumo de 100 g da hortaliça crua garante 2,1 g de fibras. Isso auxilia na melhora do funcionamento intestinal, além de facilitar a absorção da glicose e do colesterol.
  3. Possui poucas calorias: como aponta a nutricionista, em 100 g da hortaliça, há apenas 16 calorias.
  4. Rico em cálcio: em 100 g do espinafre, encontramos 98 mg de cálcio, um mineral que proporciona benefícios à saúde óssea.
  5. Diminui o risco cardiovascular: por conta do ácido fólico, que ajuda a proteger contra doenças cardiovasculares.
  6. Ajuda no funcionamento do metabolismo e no emagrecimento: “na sua composição, contém magnésio, mineral importante para o bom funcionamento do metabolismo e emagrecimento, pois atua em diversas reações enzimáticas; é um mineral importante para a recuperação celular após os treinos e auxilia na prevenção de câimbras”, aponta a nutricionista.
  7. Melhora a imunidade: Jaqueline esclarece que, em uma porção de espinafre, encontramos 2,4 mg de vitamina C, uma aliada no fortalecimento do organismo.
  8. Auxilia no combate ao envelhecimento: também devido à presença de vitamina C.
  9. Favorece o controle da pressão arterial: em uma porção, há 336 mg de potássio – mineral responsável por ajudar a controlar a pressão arterial e a diminuir a retenção de líquidos.
  10. Baixo teor de sódio: o que contribui também para a manutenção da pressão arterial e para a diminuição da retenção de líquidos.

Após conferir os benefícios do espinafre, é interessante sabermos se possui algum malefício ou contraindicação. Acompanhe a seguir!

Malefícios do espinafre

Jaqueline esclarece que devemos ter cuidado ao consumir essa hortaliça, pois, apesar dos benefícios do espinafre, ele é rico em ácido oxálico. Esse antinutriente prejudica a absorção de outros nutrientes e pode ser prejudicial, principalmente para pessoas com tendência à formação de cálculos renais.

No dia a dia, a nutricionista sugere intercalar o espinafre com outros tipos de hortaliças, para maior oferta e equilíbrio no consumo de nutrientes variados.

Agora, se você quer saber como driblar esse efeito de antinutriente, veja a melhor forma de consumir o espinafre a seguir!

Como preparar espinafre e a melhor forma de consumi-lo

Segundo a nutricionista, uma boa estratégia para preservar os benefícios do espinafre é submetê-lo a uma elevação de temperatura, salteando ou refogando-o no azeite rapidamente. Dessa maneira, é possível reduzir o teor de ácido oxálico e utilizar o vegetal como base em diversas receitas.

iStock

A nutricionista também chama atenção para a versatilidade do espinafre, que pode ser servido refogado, como salada, parte de um patê, em omeletes, bolinhos e tortas. Na sequência, anote confira deliciosas opções de receitas!

Continua após o anúncio

Espinafre na frigideira: receita originada da Ligúria, no noroeste da Itália, que consiste em preparar o espinafre de modo muito prático, refogando-o com azeite, alho, sal e pimenta-do-reino.

Omelete de espinafre: uma combinação perfeita de ovos, espinafre, pimenta-do-reino, azeite, alho e cebola, além de um recheio de queijo.

Creme de espinafre: espinafre e molho branco são os responsáveis pelo sabor inconfundível desse creme, que também leva queijo parmesão e pimenta-do-reino. Não deixe de experimentar!

Bolinho de espinafre: vegano, assado e sem glúten, esse bolino é prático e ótimo para incluir na sua alimentação saudável.

Panqueca de espinafre: uma opção low carb feita com ovos, espinafre, farinha de amêndoas e de linhaça. Já o recheio fica por conta de frango com molho de tomate.

Sopa de creme de espinafre: a apresentadora Catia Fonseca ensina a preparar uma sopa cremosa de espinafre em que a batata, o requeijão e o queijo parmesão garantem a textura em creme e o sabor maravilhoso.

Torta de espinafre: mais uma receita que encanta os olhos e o paladar! Recheada com espinafre, molho branco, requeijão e parmesão, essa torta fica supercremosa por dentro e crocante por fora.

Viu só como o espinafre é maravilhoso para incluir na sua alimentação? E o melhor é que as possibilidades de preparo são muitas. Para variar ainda mais, confira receitas de suflê de espinafre e prepare essa opção deliciosa para o almoço ou para o jantar!

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.