Dicas de Mulher Dicas de Saúde

Balé é uma ótima opção para deixar o corpo em forma

Além de trabalhar pernas, braços e barriga, a atividade ajuda também a relaxar

em 04/03/2013

Foto: Thinkstock

Muitas pessoas desejam ficar em forma, mas nem sempre há ânimo para encarar a malhação tradicional das academias. A boa notícia é que existem maneiras diferentes de trabalhar o corpo, basta procurar uma que mais tenha a ver com o seu estilo.

“Uma ótima opção para quem não se adapta às atividades tradicionais é o balé. As aulas colocam as pessoas no eixo, ensina a conhecer melhor o próprio corpo, a se colocar na postura correta e a respirar. O segredo é usar o peso do corpo ao seu favor e aproveitar o prazer que a leveza dessa dnaça proporciona. De uma forma doce, o balé deixa o estresse do lado de fora da sala e faz com que o corpo das alunas alcancem posições improváveis e surpreendentes”, explica a bailarina e empresária Pat Sauer, do Espaço de Arte Sauer Danças, no Rio de Janeiro.

A lista de benefícios para o corpo é enorme. Os movimentos de balé enrijecem a barriga, endireitam a coluna e alinham os ombros. As pernas e os braços são trabalhados ao máximo também.

“Isso acontece porque o abdômen é um dos centros de força do corpo e, consequentemente, é muito exigido durante a execução das posturas. Os músculos ficam bem definidos, mas alongados. O resultado é completamente diferente daquele de quem costuma exagerar na musculação”, afirma Pat.

Os saltos e giros do balé são responsáveis, ainda, pela queima de muitas calorias. “No balé as formas do corpo ficam mais harmoniosas e elegantes. São três fundamentos básicos: consciência do corpo, da respiração e da dinâmica. O corpo sozinho não é nada, no balé trabalhamos a concentração, equilíbrio, relação espacial, relação com os outros e comunicação corporal”. Outra vantagem do balé é que não existe aula sem aquecimento. Por isso o número de lesões é mínimo.

Ela diz que, quanto mais cedo se começar a praticar, melhor. Mas não existe idade limite para começar, e isso vale para qualquer pessoa, mesmo quem nunca tenha feito nenhum tipo de dança. “Só não dá para virar um bailarino profissional, claro, mas os resultados são ótimos, é só respeitar as limitações”, diz. Duas vezes por semana é o suficiente para ver os resultados.

Além de todos os benefícios para o corpo, o balé é também uma alternativa para relaxar das tensões do dia a dia. “No balé, a relação com os outros em uma sala de aula é fundamental e faz parte da disciplina. A vida que levamos hoje é mais estressante que antigamente. E, nas aulas, com a música clássica, todo mundo esquece um pouco os problemas de casa e do trabalho. Além de relaxarmos, os exercício estimulam a concentração, pois guardar as sequencias dos movimentos é excelente para o cérebro. Saímos da sala de balé relaxadas e leve como um pluma”, finaliza a bailarina Pat Sauer.

Vídeos: Alongamento para o ballet

Veja abaixo como é feito o alongamento e o aquecimento nas aulas de balé – essa preparação é essencial para evitar lesões durante a execução dos movimentos da dança.

Comentários
Dicas relacionadas