Astrologia 2013: tendências para cada signo

Conhecer as oportunidades do seu signo para 2013 pode ajudar a aproveitá-las da melhor maneira

Escrito por Carolina Werneck

Foto: Thinkstock

Quando cursamos o Ensino Fundamental aprendemos, nas aulas de ciências, que o planeta Terra executa basicamente dois tipos de movimento: o de rotação, que consiste em girar em torno de seu próprio eixo, e o de translação, que consiste em girar em órbita elíptica ao redor do Sol. Depois aprendemos que a Via Láctea é apenas uma das milhões de galáxias existentes no Universo, e que o próprio Sol é uma estrela considerada de porte médio quando comparado a outras tantas que se encontram mais distantes da Terra.

A Terra, durante os 365 dias que compõem um ano e enquanto realiza os movimentos de rotação e translação, atravessa diferentes temperaturas energéticas, que são responsáveis pela manutenção de fenômenos como as estações do ano, por exemplo.

Em termos astrológicos, o que acontece aos seres humanos é um fenômeno parecido a esse. A linguagem astrológica simboliza as épocas do ano para cada um de nós. Naturalmente, não se pode generalizar e querer prever o que acontecerá a cada um com base apenas em seu signo solar já que, para isso, é necessária uma observação detalhada e atenta de um Mapa Astral individual. Como poucas pessoas têm acesso a esse tipo de estudo personalizado, o que os astrólogos fazem é tomar por base uma espécie de “mapa mundi astrológico” e fazer algumas previsões genéricas sobre o que reserva um determinado período para cada signo, com um olhar bastante abrangente.

O objetivo dessas orientações não é apenas adivinhar o futuro mas, principalmente, orientar os seres humanos a respeito dos tempos que enfrentarão, de modo que cada um possa se tornar mais responsável pelas próprias escolhas, aproveitando melhor as oportunidades. De acordo com a astróloga e taróloga Beatriz Leveratto, essas são algumas das “previsões” para cada signo em 2013.

Signos Mutáveis

Estes signos estão sendo afetados por Júpiter desde junho de 2012. Essa influência permite a eles uma visão mais ampla de suas vida, bem como uma maior consciência dela. Até junho de 2013, Júpiter permanecerá em Gêmeos, estimulando o crescimento destes quatro signos.

Além disso, os quatro signos mutáveis também enfrentam desde o ano passado uma influência mais branda por parte de Netuno. Este fator faz com que eles alcancem níveis de intuição e afetividade mais profundos, o que pode resultar em mal-entendidos, confusões e caos. Ao final do longo processo de superação de idealizações e expectativas, essas pessoas estarão se tornando mais intuitivas e sensíveis.

Gêmeos: para Gêmeos, a orientação é de definir metas e arriscar-se em apenas uma direção, apostando em seu crescimento individual. Essa definição por um único caminho a seguir será fundamental para que os geminianos se tornem mais autoconfiantes, superando sua tendência natural a duvidar de si mesmos.

Virgem: as pessoas de Virgem se sentirão impelidas a tomar decisões que evoquem crescimento no trabalho e nas responsabilidades do cotidiano. Aqui, Júpiter influencia mais o lado profissional, amplificando a realidade e ajudando os virginianos nessa percepção.

Sagitário: em Sagitário, a influência de Júpiter será direcionada ao setor dos relacionamentos – não apenas amorosos, mas com as pessoas em geral. O sagitariano sentirá a necessidade de reorganizar suas relações, deixando um pouco de lado sua tendência para exagerar nas expectativas e, consequentemente, permitindo que ele se envolva de forma menos fantasiosa. Há a possibilidade de encontrar um companheiro em quem confiar.

Peixes: para Peixes, que normalmente já possui uma sensibilidade bastante aflorada, Júpiter mexerá ainda mais com este setor, ativando ainda mais as emoções do signo. Haverá uma época propícia para tomar decisões relativas ao ambiente familiar. Os piscianos precisam ter consciência do período mais “emocional” e se controlar para não desencadear crises.

Signos fixos

É possível que as pessoas desses quatro signos estejam percebendo situações que exigem mais responsabilidade desde outubro de 2012, quando Saturno entrou em Escorpião. Isso ocorre porque Saturno, naturalmente, tende a influenciar o abandono das fantasias para investir mais no realismo e nas decisões racionais. Essa rigidez será necessária durante os próximos dois anos, de forma tão intensa que os nascidos nesses signos que sejam ainda pouco maduros podem se sentir extremamente pressionados. A oportunidade para os mais preparados, no entanto, é imperdível: crescimento profissional e construção de relações mais fortes e duradouras.

Touro: tende a enfrentar um período mais racional em suas relações. É o momento de desfazer as ilusões construídas e pisar em terrenos mais firmes, superando as frustrações. Será um período para consolidar-se no amor, encontrando um relacionamento mais maduro.

Leão: para Leão, os próximos anos deverão ser dedicados a tomar decisões maduras nos setores íntimo e familiar. Sabendo utilizar essa oportunidade, a realidade familiar poderá ser melhorada e o leonino se sentirá emocionalmente mais seguro.

Escorpião: por estar em Escorpião, Saturno influencia mais fortemente este signo, exigindo amadurecimento em todos os setores da vida. É um tempo que deverá ser dedicado pelos escorpianos ao crescimento afetivo e profissional.

Aquário: terá a oportunidade de consolidar a carreira profissional, utilizando-se de uma racionalidade e um pragmatismo que normalmente não possui.

Signos cardinais

Os quatro signos cardinais estão, desde 2008, em um processo longo de transformação. Este processo se iniciou quando Plutão entrou em Capricórnio e só terminará em 2024. Plutão é o planeta mais distante do Sol e, portanto, muito lento em completar sua órbita. Ao final do processo, os regidos por esses signos terão se tornado pessoas mais comprometidas e conscientes.

O fato de o planeta Urano estar neste momento em Áries também influencia esses signos desde março de 2011, tornando-os mais criativos e pedindo que arrisquem mais. Essa influência permanecerá até 2018. Embora ambas as influências sejam, em sua essência, positivas, dependerá de cada pessoa aproveitá-las para livrar-se de medos desnecessários e alcançar uma vida mais criativa e autêntica. Até junho de 2013, estes signos podem se ver desafiados em alguns setores, sensação que desaparece depois que Júpiter entrar em Câncer, um signo cardinal.

Áries: pode ter a oportunidade de reorganizar o ambiente familiar. Será um tempo de enfrentar os medos do passado para superá-los de uma vez por todas.

Câncer: para Câncer, período ótimo para desenvolver a autoconfiança. Também será uma boa oportunidade para aprender a compartilhar projetos, superando sua timidez habitual para abrir-se com outras pessoas.

Libra: os regidos por Libra terão maiores condições de arriscar investimentos que poderão resultar em crescimento profissional.

Capricórnio: para Capricórnio, 2013 será um ano de reorganização das relações interpessoais. Tanto no setor amoroso quanto no setor das amizades e relações profissionais, o momento é para reavaliá-las.

Assuntos: Bem-Estar

Para você