6 dicas para gastar menos com sapatos

Conserve os calçados que você já tem e economize na compra de novos pares

Escrito por Andressa Dias

Foto: Thinkstock

Os sapatos são os itens da moda que as mulheres em geral mais gostam. Passar na frente da vitrine de uma loja de calçados chega a ser uma tortura naqueles dias em que o orçamento está apertado. Mas para ajudar você a sofrer menos quando se tratar de comprar sapatos, sugerimos 6 dicas que você pode trazer para sua vida e adaptar para sua realidade, confira.

1 – Confira tudo o que você já tem

Antes de sair às compras procurando sapato novo, olhe tudo o que você tem e faça uma lista do que você tem no armário. A partir desta lista você pode ver o que é que você já tem o suficiente, o que precisa e o que não usa mais ou está estragado. Veja alguns sapatos que toda mulher deve ter e verifique se todos eles já fazem parte do seu acervo pessoal.

Considere também que o que é necessário para algumas ou para a maioria, pode não ser o mesmo que é necessário para você. Por exemplo, quem não usa salto, já diminui bastante a lista do que precisa ter em relação à modelos de sapatos. Sendo assim, verifique seus hábitos e analise o que você realmente precisa ter.

2 – Cautela com as promoções

Muitas vezes ao passear pelas lojas e ruas onde há várias lojas de calçados, nos deparamos com promoções extremamente tentadoras. Porém, é necessário ter cuidado para não acabar comprando sapatos que você não precisa, sapatos que não fazem o seu estilo ou ainda sapatos que vão sair de moda em breve. Nesse sentido, reafirmamos a necessidade de estar consciente sobre o que você tem no armário para não comprar demais e se arrepender depois.

3 – Pesquise preços

Começamos já dando um exemplo de como você pode trazer essa dica para sua vida. Um sapato coringa que toda mulher deveria ter é a sapatilha preta, combina com tudo e é neutra, pode ser usada para compor diversos estilos. Porém, seus preços podem variar entre R$50 a R$300 Reais. Sendo assim, confira os preços nas suas lojas de preferência e opte pelo que mais se adequar ao seu orçamento disponível para gastar com sapatos.

4 – Verifique a qualidade do produto

Quando se trata de sapatos, muitas vezes é melhor investir em um produto melhor, mesmo que seja mais caro porque ele provavelmente terá maior vida útil. Essa dica vale para quem não troca muito os sapatos. Quem gosta de estar sempre comprando novos, variando e usando poucas vezes o calçado, pode optar por modelos mais baratos e de menor qualidade. Entretanto, vale ressaltar que há lojas que disponibilizam modelos acessíveis e de boa qualidade, sendo assim, pesquise antes de dizer sim ao sapato escolhido.

5 – Compre fora da época ou coleções anteriores

Outra opção para gastar menos na hora de comprar um sapato novo é escolher os modelos da coleção anterior, ou ainda, comprar modelos de inverno durante o verão e vice-versa. Essa prática é muito comum e pode te render uma economia considerável. Se você não se importa de usar sapato que não é da coleção atual, pode apostar nessa tática para poupar dinheiro.

6 – Cuide bem dos seus sapatos

Além de poupar na hora da compra você pode também ter os devidos cuidados para aumentar a durabilidade dos seus calçados e assim precisar comprar calçados novos com menos frequência.

Mantenha os sapatos sempre higienizados, limpando-os após o uso – antes de guardar. Procure deixar os sapatos armazenados dentro de pequenas sacolas próprias para guardar sapato ou envoltos em um tecido suave. Se você for deixa-los guardados por muito tempo, coloque um pouco de jornal dentro do calçado para evitar o acúmulo de umidade. Esses cuidados ajudam a manter a conservação dos seus calçados.

Se você, além de economizar, gosta também de ser solidária, faça uma limpeza no seu acervo e doe sapatos que você não usa mais e estão em bom estado. Assim, além de conseguir um pouco mais de espaço para novas peças, você estará fazendo o bem para quem precisa.

Para você