Dicas de Mulher Dicas de Saúde

Tudo sobre osteoporose

Doença que enfraquece os ossos atinge principalmente mulheres de meia-idade

em 17/07/2013

O avanço da idade provoca diversas mudanças na saúde feminina e pode trazer alguns problemas. Entre eles está a osteoporose, uma doença que atinge principalmente as mulheres de meia-idade.

A osteoporose nada mais é que o enfraquecimento dos ossos devido à perda de minerais ao longo do tempo, principalmente do cálcio. Os ossos se tornam mais finos e mais fracos, há um risco maior de fraturas por quedas ou até mesmo por pequenas lesões que podem se agravar e trazer complicações sérias.

A doença começa a se manifestar a partir dos trinta anos, mas os riscos são maiores com a chegada da menopausa. Tudo porque a produção do estrogênio (hormônio sexual feminino), que ajuda no depósito de cálcio e no fortalecimento do tecido ósseo, se torna menor. Menos estrogênio, ossos mais frágeis.

Outro motivo para o problema ser mais comum em mulheres é o fato da massa óssea ser menor que a dos homens. Qualquer mulher pode apresentar osteoporose, mas estudos indicam que mulheres brancas, pequenas e com pouco peso são as mais afetadas.

Sintomas da osteoporose

Os sintomas da osteoporose nem sempre aparecem, até que algum osso quebre. O enfraquecimento ósseo pode ocorrer em qualquer parte do corpo, porém as regiões da bacia, braços, punhos e da coluna vertebral são as que apresentam maiores complicações.

Sem apresentar fraturas e lesões, a osteoporose pode ser diagnosticada através de raio-X. A prevenção ainda é o melhor remédio, mas o diagnóstico precoce e o tratamento adequado são fundamentais para garantir qualidade de vida.

Tratamento para osteoporose

O tratamento para osteoporose mais eficiente é a reposição hormonal com pílulas de estrogênio. A reposição do hormônio pode não eliminar a doença, mas ajuda a retardar a perda de cálcio, recuperar alguns ossos e diminuir os riscos de doenças cardiovasculares.

Outra forma de tratar a osteoporose é aumentando a quantidade de cálcio no organismo, seja através de suplementos alimentares ou de uma alimentação reforçada, incluindo frutas cítricas, verduras, sardinha, crustáceos, leite e seus derivados desnatados no cardápio.

Faça atividades físicas. Praticar exercícios aumenta a massa óssea e a resistência dos ossos das regiões mais propensas à osteoporose.

Receba nossas melhores dicas diretamente em seu e-mail

Assine nossa newsletter para receber nossas novidades sobre os assuntos do momento.

Nós odiamos spam. Nunca usaremos seu e-mail para outros fins.

Comentários
Dicas relacionadas