Novidade! Baixe nosso app em seu smartphone Android iPhone

Dicas de Mulher Dicas de Beleza

8 óleos naturais para tratar os cabelos

Conheça alguns tipos de óleos que podem ser grandes aliados para fortalecer os fios e deixar seus cabelos mais bonitos

em 30/04/2013

Os tratamentos capilares à base de óleos são boas opções para quem busca alternativas com características naturais na recuperação dos fios. Extraídos diretamente das plantas, na sua forma mais pura, estes óleos oferecem vários benefícios. Dentre eles, promovem o crescimento dos fios, minimizam a oleosidade e reduzem a caspa. Além disso, são fortes aliados no tratamento e controle de problemas como a queda capilar.

A forma de utilização dos óleos pode variar de acordo com a necessidade. Eles podem ser aplicados puros, em forma de cremes, xampus, condicionadores, compressas. Por isso, antes de começar a usar em casa, é importante procurar orientação para saber a quantidade correta e como aplicar o óleo escolhido para obter o máximo de benefícios. Conheça agora 8 óleos naturais e de que forma eles podem contribuir para deixar seus cabelos mais bonitos.

1 – Óleo de semente de uva

O óleo de semente de uva é considerado um remédio natural para fazer os fios crescerem mais rápido, já que a vitamina E atua no fortalecimento e contribui para tornar os cabelos mais brilhantes e menos frágeis.

Sua textura não gordurosa permite uma rápida absorção pelos fios, por isso o óleo de semente de uva pode ser aplicado em qualquer tipo de cabelo.

Nos cabelos secos e crespos, o óleo suaviza as cutículas do cabelo, preservando a umidade para manter o aspecto de hidratação. Outra propriedade do óleo de uva é que ele também pode ser usado para tratamentos capilares com óleo quente.

2 – Óleo de coco

Rico em ácidos graxos e vitamina E, é um ótimo hidratante e tem alto poder de penetração na cutícula do fio, por isso é indicado para fios ressecados. Pode ser encontrado em forma de óleo puro ou manteiga e, dependendo do uso, tem inúmeras finalidades. Entre elas, controla o frizz e as pontas duplas, além de deixar os cabelos mais maleáveis e fáceis de pentear. O óleo de coco também é uma ótima opção para quem quer hidratar os fios profundamente. Suas propriedades restauram a estrutura dos fios, proporcionando equilíbrio aos cabelos danificados.

3 – Óleo de rícino

O óleo de rícino é um óleo vegetal derivado da mamona. Embora muita gente só o conheça como um poderoso laxante, ele também serve para tratar os fios.

Este óleo pode ser uma ajuda e tanto para dar força e estimular o crescimento dos cabelos. Há quem use o óleo de mamona com a mesma finalidade nos cílios e sobrancelhas.

4 – Óleo de groselha indiana (Amla)

Este fantástico ingrediente extraído da groselha indiana é muito utilizado pelas indianas e amado por mulheres de todo o mundo. O Amla é considerado um fantástico condicionador, que tem o poder de hidratar os cabelos e fortalecer o crescimento. Ele funciona também como anticaspa e previne a queda e o aparecimento de pontas duplas. Use o Amla para deixar seus cabelos fortalecidos, com brilho e sem frizz.

5 – Óleo de jojoba

O extrato de jojoba é considerado o mais leve entre os óleos essenciais e é bom para qualquer tipo de cabelo. Serve para dar brilho, previne a caspa e a perda dos fios. Outra propriedade importante do óleo de jojoba é deixar o bulbo capilar limpo e livre para o crescimento de novos fios.

As glândulas sebáceas do couro cabeludo liberam o sebo, que tem como principal função agir como uma proteção para manter a umidade da pele na região. No entanto, quando há resíduos de sujeira e de produtos em excesso no couro cabeludo, a função dessas glândulas é alterada. O sebo acumulado nos folículos capilares provoca queda e prejudica o crescimento de novos fios. Fazer massagens no couro cabeludo usando óleo de jojoba ajuda a dissolver o sebo e deixa os folículos do cabelo livres para o crescimento dos cabelos.

6 – Óleo de argan

Esse componente extraído de uma árvore natural do Marrocos é um excelente hidratante que promete deixar os fios mais brilhantes e macios. Em especial os cacheados, que costumam ser mais secos e armados naturalmente.

O óleo de argan também é antioxidante natural. Ao combater os radicais livres, ele ajuda a reparar os danos na membrana celular. Além disso, contém vitamina E, que dá vida aos fios, fortalece a fibra capilar e protege contra os danos causados por agentes externos. Uma das vantagens do óleo de argan é ser pouco gorduroso e de fácil absorção, por isso, ele age bem até em fios oleosos e não deixa os cabelos com aquele aspecto pesado.

Possui ainda propriedades hidrofóbicas, ou seja, repele a água. Assim, mesmo nos dias úmidos e chuvosos, seus cabelos ficam livres dos fiozinhos arrepiados e do efeito frizz. Pode ser usado antes da escova, para diminuir o tempo da secagem ou como finalizador, para prevenir as pontas duplas.

7 – Óleo de semente de romã

Rico em antioxidantes e ácido graxo, o óleo de semente de romã ajuda na recuperação do seu cabelo danificado. Utilize-o também para manter a textura e o brilho do seu cabelo. O óleo de semente de romã é um ingrediente bem popular na industria farmaceutica, sendo muito usado nos produtos para cabelos e até para rejuvenescimento da pele.

8 – Óleo da árvore do chá (Melaleuca)

Se você está procurando um produto para acabar com a coceira no couro cabeludo, o óleo da árvore do chá de Melaleuca é uma excelente opção. Além de antisseptico, germicida e fungicida, ele produz uma sensação de limpeza profunda que você vai adorar. O óleo da arvore do chá pode ser adicionado em seu xampú ou condicionador para elevar a capacidade de limpeza dos produtos.

Segundo pesquisas, o óleo da arvore do chá também se mostrou eficiente no tratamento infecções ginecológicas – como a candidíase – e, queimaduras, ferimentos e micoses.

Receba nossas melhores dicas diretamente em seu e-mail

Assine nossa newsletter para receber nossas novidades sobre os assuntos do momento.

Nós odiamos spam. Nunca usaremos seu e-mail para outros fins.

Comentários
Dicas relacionadas