Novidade! Baixe nosso app em seu smartphone Android iPhone

Dicas de Mulher Dicas de Saúde

Óleo de coco para diminuir a gordura abdominal

Saiba por que o óleo extraído do coco está dando o que falar como uma alternativa para auxiliar no emagrecimento

em 13/05/2013

O óleo de coco é uma das substâncias mais comentadas do momento entre as alternativas naturais para acelerar o emagrecimento. Quando se fala em óleo, a ideia que se tem é de algo prejudicial à saúde. No entanto, esse óleo é obtido por meio de um processo de fermentação do coco maduro (fresco ou seco) que evita a oxidação dele e, consequentemente, a produção do LDL, o colesterol ruim.

Dessa forma, o óleo de coco se torna altamente benéfico para a saúde, pois previne doenças, promove a sensação de bem-estar e ainda dá uma ajudinha para quem quer perder peso.

Por que o óleo de coco ajuda a emagrecer?

O óleo de coco é rico em triglicérides de cadeia média, substâncias que favorecem o rápido esvaziamento do estômago e absorção pelo sistema intestinal. No fígado, estes triglicerídeos se transformam rapidamente em energia e não se depositam no organismo.

Por isso ele é considerado termogênico, ou seja, capaz de elevar o gasto energético do organismo e gerar calor, o que aumenta a sensação de saciedade e queima calorias. Além disso, o consumo do óleo de coco gera saciedade, reduz o apetite e contribui para o emagrecimento e para a redução da gordura abdominal.

Outros benefícios do óleo de coco

Incluir o óleo de coco na alimentação ajuda a emagrecer, mas seus benefícios não param por aí. O alimento é rico em ácido fenólico, uma substância antioxidante que favorece a circulação sanguínea, reduz os níveis de colesterol e triglicérides, prevenindo doenças cardiovasculares.

O óleo de coco também tem importante papel na diminuição da produção de radicais livres, propriedade que se deve a ação direta da vitamina E presente na composição. Por isso, ele retarda o envelhecimento. Outros benefícios do óleo de coco são melhorar o sistema imunológico, acelerar o metabolismo, regular o intestino e deixar o corpo cheio de energia.

Como consumir o óleo de coco?

Por ter um sabor agradável, muitas pessoas preferem consumir o óleo puro, mas ele pode ser usado como tempero para saladas ou misturado aos sucos e vitaminas. O óleo de coco pode ser submetido a altas temperaturas, mas para preservar suas propriedades nutricionais, é preferível usá-lo em preparações frias ou na finalização de pratos quentes.

O ideal é começar com meia colher de sopa e ir aumentando aos poucos até chegar a duas ou três colheres diárias. Mas nada de exageros na tentativa de potencializar os benefícios do óleo, já que o consumo excessivo pode provocar diarreia.

Já é possível encontrar também o óleo de coco em cápsulas, uma alternativa bem prática para incluir o produto na dieta, aprovada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). A indicação de consumo é de duas a quatro cápsulas por dia.

Receba nossas melhores dicas diretamente em seu e-mail

Assine nossa newsletter para receber nossas novidades sobre os assuntos do momento.

Nós odiamos spam. Nunca usaremos seu e-mail para outros fins.

Comentários
Dicas relacionadas