Dicas de Mulher Dicas de Comportamento

O que você precisa saber sobre Previdência Privada

Conheça a diferença entre tipos de planos, os benefícios de cada um e veja qual é o ideal para sua necessidade

em 16/01/2012

Os frequentes problemas enfrentados pelos beneficiários da rede de previdência pública fazem com que cada dia mais pessoas recorram à previdência privada para garantir uma aposentadoria tranquila e livre de surpresas ruins.

Porém, ainda pairam no ar muitas dúvidas sobre os planos de previdência privada como qual é o plano ideal e quanto tempo é necessário investir para garantir um retorno, no mínimo, condizente com as necessidades da melhor idade.

Na previdência privada, existem dois planos chamados PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre) e VGBL (Vida Gerador de Benefício Livre), estes permitem um acúmulo de recursos durante certo período de tempo. Neste período, seus recursos são investidos e rentabilizados por uma seguradora.

Ambos planos têm duas fases: a primeira em que você forma o patrimônio, gerando renda, e a segunda, em que você usufrui do seu plano previdenciário através do resgate desses recursos.

Diferença entre PGBL e VGBL

A maior diferença entre PGBL e VGBL está na tributação. No plano PGBL, você pode descontar da base de cálculo do seu Imposto de Renda o valor que utiliza nas contribuições, com um limite de 12% da sua renda brutal anual.

Desta forma, você pode pagar um valor menor de IR ou aumentar sua restituição de IR. Porém, o PGBL é mais indicado para quem declara o IR no formulário completo e é tributado na fonte. Um exemplo da vantagem do plano PGBL:

Quanto você paga de IR sem o plano PGBL

  • Renda Anual declarada: R$ 100.000
  • Imposto: R$ 19.186,65

Quanto você paga de IR com o plano PGBL

  • Renda Anual: R$ 100.000
  • Investimento no PGBL: R$ 12.000
  • Base de Cálculo para o IR: R$ 88.000
  • Imposto: R$ 15.886,65
  • O IR sobre os R$ 12 mil restantes aplicados em PGBL, que foram descontados da sua base de cálculo, só será pago no resgate desse dinheiro.

Já o plano VGBL é mais indicado para quem faz a declaração de Imposto de Renda simplificada ou quem não é tributado na fonte, como os trabalhadores autônomos. Com o VGBL, você pode investir mais que 12% de sua renda bruta na previdência e diversificar seus investimentos. Isto porque no plano VGBL a tributação é feita sobre o ganho de capital que você tem.

Simulações de Investimento nos Planos PGBL e VGBL

Simulação Banco do Brasil – PGBL

  • Idade atual: 30 anos
  • Valor da contribuição mensal: R$ 300,00
  • Tempo de contribuição: 30 anos
  • Idade que irá começar a receber os benefícios: 60 anos
  • Valor acumulado: R$ 405.094,85
  • Renda obtida: R$ 2.911,92 por mês, durante 15 anos.
  • Plano: PGBL Ciclo de Vida 2040

Simulação Banco do Brasil – VGBL

  • Idade atual: 14 anos
  • Valor da contribuição mensal: R$ 100,00
  • Tempo de contribuição: 46 anos
  • Idade que irá começar a receber os benefícios: 60 anos
  • Valor acumulado: R$ 491.687,00
  • Renda obtida: R$ 3.586,80 por mês, durante 15 anos.
  • Plano: VGBL Ciclo de Vida 2040

De qualquer forma, antes de escolher seu plano de previdência privada, lembre-se que estas são aplicações financeiras de longo prazo. Por isso, se o contribuinte decidir resgatar o valor antes do prazo, pode ser que este investimento não seja vantajoso porque a alíquota do IR pode ser mais alta que de outros fundos de investimento de longo prazo disponíveis no mercado. Sendo assim, consulte várias seguradoras e se informe para escolher qual é a melhor opção para você.

Comentários
Dicas relacionadas