O que não se deve vestir para o trabalho

Saiba quais são as principais gafes cometidas por mulheres quando o assunto é se vestir para trabalhar e as evite

Por Selena Escher
o que nao se deve vestir para o trabalho O que não se deve vestir para o trabalho

Foto: Thinkstock

Em determinados ambientes de trabalho não se tem a obrigação do uso de uniformes. Sendo assim, algumas gafes podem ocorrer ao se vestir. Deve-se então, levar em consideração o cargo ocupado, função exercida, tal como a filosofia da empresa e a forma de se portar dos demais funcionários. Portanto, vestir-se adequadamente é um indicativo de que você reconhece seu papel, assim como de sua organização.

Contudo, atente para o fato de que caso exerça funções de chefia, ou tenha contato direto com clientes, sua imagem deve espelhar o que a empresa de fato deseja representar. Sendo assim, todo e qualquer elemento que traduza exageros ou se destaquem devem ser evitados, como peças curtas, muito justas, decotes exagerados, calças baixas ou cores extremamente vibrantes.

Isto, porque a atenção em um ambiente profissional deve voltar-se aos interesses e assuntos profissionais, e tais características podem voltar a atenção dos interlocutores para uma esfera pouco desejável. Logo, a regra se aplica também aos cabelos, unhas, maquiagem, joias e acessórios. A aparência deve ser sóbria e elegante. Igualmente importantes, os saltos não devem ser extremamente altos.

Com personalidade, tenha em mente que em primeiro lugar está a cultura da empresa, e não a moda vigente. Porém, não escolha produções incômodas, pois você deve estar apta a realizar suas funções durante o expediente com agilidade, conforto e classe, seja ela qual for. Saiba quais são as principais gafes a serem evitadas no ambiente de trabalho:

Incorporar tendências de moda ao trabalho

No ambiente profissional maneje suas produções de forma a se adequar à cultura da empresa. Logo, se trabalha em locais formais como escritórios de advocacia, opte por roupas como camisas de botões, de mangas compridas, calças com corte reto, sapatos fechados e acessórios discretos. Se você trabalha em uma loja e vende roupas, por exemplo, tente aderir a looks em sintonia a linguagem da mesma.

Optar por produções sensuais e provocantes

Make up extravagante, decotes profundos, roupas muito justas, calças baixas, barriga à mostra, saltos extremamente altos, cores vibrantes e acessórios exagerados devem ser usados fora do ambiente de trabalho. A atenção neste local deve voltar-se aos interesses do mesmo, portanto, tanto a forma de vestir como sua postura deve ser de uma profissional.

Aderir à itens barulhentos

Pulseiras, brincos e penduricalhos têm de se manter distantes do seu trabalho, assim como sapatos que façam barulho, pois podem interferir na concentração de outros funcionários, causando certo desconforto. Entretanto, caso tenha a necessidade de utilizar aparelhos celulares durante o expediente, tal como meios que produzam som, opte pelo modo vibracall, tal como por fones de ouvido.

Usar chinelos e outros elementos informais

Chinelos, rasteiras informais, bermudas estilo esporte, tênis, camisetas, dentre outros elementos casuais devem ser usados fora do ambiente de trabalho, a menos que você seja funcionária de uma empresa descolada que lhe permita o uso de tais peças, traduzindo assim o modo de vida da organização e clientes. Do contrário, opte por vestir tais itens fora de seu expediente.