Dicas de Mulher Notícias

Recuperar o sono perdido pode diminuir o risco de diabetes, segundo estudo

Teste foi realizado com 19 homens num laboratório do sono

em 27/06/2013

Foto: Thinkstock

Se você não dorme suficientemente durante os dias da semana (e, convenhamos, a maioria de nós não o faz), aqui vai uma dica: dormir até tarde nos finais de semana pode reduzir o risco da diabetes do tipo 2, de acordo com um estudo apresentado no dia 21 deste mês, na reunião anual da Sociedade de Endocrinologia (EUA).

Um estudo realizado com homens em um laboratório de sono testou aqueles que dormiram seis horas de sono durante três dias, e aqueles que dormiram 10, durante o mesmo período. Os cientistas descobriram que os homens que dormiram por 10 horas, tiveram uma melhor sensibilidade à insulina, do que aqueles que tiveram só seis horas para dormir. O organismo dos que dormiram mais, tiveram mais capacidade de limpar a glicose da corrente sanguínea – o que pode protegê-los de desenvolverem diabetes nos próximos anos.

As conclusões só podem ser definitivas após o teste ser realizado também com mulheres. Pesquisas anteriores já haviam mostrado que uma consistente falta de sono é um fator de risco para diabetes (assim como a obesidade e outros problemas crônicos de saúde). Para o estudo, os cientistas do Los Angeles Research Biomedical Institut recrutaram 19 homens – com média de idade de 29 anos.

Comentários
Dicas relacionadas