Psicóloga lista 6 sinais de que está na hora de terminar a relação

Se esses sinais acontecem com você, está na hora de repensar melhor seu relacionamento, segundo a mestre em psicologia Jill Knapp

Por Elizabeth Pinheiro
psicologa lista 6 sinais de que esta na hora de terminar a relacao Psicóloga lista 6 sinais de que está na hora de terminar a relação

Foto: Thinkstock

Você conhece alguém novo e ele parece incrível. Mas, depois de alguns meses ou mesmo anos de namoro, ele muda. Para algumas pessoas essas mudanças são menores. Por exemplo, você descobre que ele realmente não gosta de comédias românticas, ou que não simpatiza tanto assim com sua irmã.

Mas, para outras, essas mudanças são importantes e tornam-se impossíveis de ignorar. Você começa a pensar que talvez fosse assim o tempo todo, e você simplesmente não viu os sinais. Ou talvez você esteja convencida de que você está fazendo algo errado, e esta é a sua punição. Algumas situações são críticas demais para ignorar. Conheça quais são elas:

  1. Você está sendo traído repetidamente: Alguns casos de traição isolados podem ser facilmente superados pelo casal. Alguns consideram, inclusive, algo que pode fortalecer a união dos dois, se for superada. Mas enfrentar esse problema seguidamente é sinal de que o casal precisa terminar a relação.
  2. Você está sendo abusado verbalmente ou emocionalmente: Você não sofre um abuso apenas quando é agredida fisicamente. Xingamentos, insultos raciais e conflitos verbais dessa natureza também são agressões. É um sinal claro de falta de respeito por parte do parceiro. Se isso está acontecendo com você, pense bem se vale à pena continuar se degradando.
  3. Ele não se importa se lhe fizer chorar: Se o seu parceiro é capaz de vê-la chorar após feri-la verbalmente e não fazer nada a respeito, é possível que ele não se importe tanto assim com você.
  4. Você tem que mudar quem você é para estar com ele: Numa relação sempre acompanhamos nosso parceiro em um lugar ou outro que não apreciamos. Mas certifique-se que você não está mudando a ponto de não reconhecer a pessoa que você está se tornando. A pessoa que está com você deve gostar de você por quem você é.
  5. Seu carinho está sendo mal interpretado por carência: Todo mundo se emociona de vez em quando. Mas as emoções não devem ser vistas como fraqueza. É impossível manter-se animada a cada segundo de cada dia, e é inútil tentar lutar contra isso. É importante ser honesta sobre suas emoções e necessidades e saber que o parceiro vai estar lá para você.
  6. Você tem medo dele: Estar com alguém que te assusta não é algo que você deve suportar. E o mais importante, é nunca se culpar pelo comportamento abusivo do outro.

Informações da coluna da mestre Jill Knapp para o site Huffington Post.