Project Unbreakable mostra a realidade das vítimas de estupro

Com traumas que viram cicatrizes e mudam a vida das vítimas para sempre, elas posam com cartazes que mostram que são sobreviventes

Por Nana Mariano
unbreakable project Project Unbreakable mostra a realidade das vítimas de estupro

“Mas você não me deixou terminar” Foto: Grace Brown – Unbreakable Project.

As estatísticas comprovam: o número de casos de estupro tem aumentado cada vez mais, mas mesmo assim, ainda são muitas as situações às quais as vítimas são submetidas a não relatarem nada do abuso, principalmente quando o evento se dá com parentes ou amigos muito próximos. O Project Unbreakable nasceu da ideia da fotógrafa Grace Brown em 2011, quando ela começou uma série de fotos feitas com pessoas vítimas de abuso sexual segurando cartazes com as frases marcantes do momento do trauma. O projeto leva a frase “the art of healing” (a arte de se curar) como lema da campanha, na qual as pessoas não são mais vistas como vítimas e sim como sobreviventes de uma tragédia que mudou a vida delas para sempre, sendo que muitas delas chegaram ao ponto de tentar suicídio.

A série ilustra a realidade de mulheres e também homens ao redor do mundo que se veem nessa situação e que muitas vezes tentam falar a verdade, mas são desacreditados. O trabalho tomou proporções enormes, e hoje conta com um site próprio e uma página no Tumblr, onde pode-se mandar fotos, para que a extensão do projeto não se limite aos locais aonde a fotógrafa pode chegar. Confira algumas das inúmeras imagens que mostram não só a crueldade do agressor mas a falta de tato de amigos e familiares e mesmo psicólogos que supostamente deveriam ajudar no tratamento: