Dicas de Mulher Notícias

Obesidade pode aumentar as chances de surdez em adolescentes

Problema pode se agravar na idade adulta, segundo os médicos que realizaram o estudo

em 20/06/2013

Foto: Thinkstock

Adolescentes obesos são mais propensos a sofrer perda de audição em relação a adolescentes magros da mesma idade, de acordo com um novo estudo.

Os cientistas descobriram que os adolescentes obesos sofreram aumento de perdas auditivas em todas as frequências e foram quase duas vezes mais propensos a desenvolver o problema.

O estudo descobriu que a obesidade em adolescentes está associada à perda auditiva neurossensorial em todas as frequências (a faixa de frequência que pode ser ouvido por humanos). Isso é causado por danos às células ciliadas da parte interna da orelha.

Pessoas com perda auditiva de baixa frequência não podem ouvir sons de frequências de 2.000 Hz para baixo. Na maioria dos casos eles ainda podem entender bem a fala humana, mas podem ter dificuldades em ouvir em grupos ou em lugares barulhentos.

A pesquisa analisou dados de cerca de 1.500 adolescentes do National Health and Nutrition Examination Survey-uma amostra grande, nacionalmente representativa de adolescentes entre as idades de 12 e 19, realizadas entre 2005 e 2006. Os participantes foram entrevistados em casa, tendo em conta a história médica familiar, condições médicas atuais, uso de medicamentos, os fumantes domésticos, fatores socioeconômicos e demográficos e história de exposição ao ruído.

Dr. Lalwani e seus colegas especulam que a obesidade pode, direta ou indiretamente, levar à perda de audição. Embora pesquisas adicionais sejam necessárias para determinar os mecanismos envolvidos, eles teorizam que a inflamação induzida pela obesidade pode contribuir para a perda de audição.

Comentários
Dicas relacionadas