Dicas de Mulher Notícias

10 alimentos que podem minar sua inteligência

Açúcar, sal e frituras em excesso prejudicam o funcionamento do cérebro

em 24/07/2013

Foto: Thinkstock

Quando o assunto é nutrição, é importante frisar que existem diversos tipos de alimentos. Alguns são aliados na perda de peso, outros estimulam a função cognitiva e melhoram a memória, e há, ainda, os que são conhecidos por terem um efeito devastador no funcionamento do cérebro. Por isso, devem ser evitados ou consumidos moderadamente, a fim de que seu impacto negativo seja limitado.

Veja alguns alimentos que podem prejudicar a inteligência:

1 – Açúcar

Os produtos açucarados são ruins não só para a forma física, mas também para as funções cerebrais. A longo prazo, o consumo de açúcar pode gerar vários problemas neurológicos e interferir na memória e na capacidade de aprender.

2 – Álcool

Além de prejudicar o fígado, o álcool pode causar também confusão mental, agindo como uma nuvem que afeta a capacidade de pensar com clareza e também a memória. Isso acontece devido a ingestão de grandes quantidades de álcool. Os sintomas são reversíveis se o consumo da bebida for cessado ou limitado a ocasiões sociais. Dois drinques por semana não fazem mal.

3 – Fast Food

Esses alimentos são ricos em gorduras e não possuem nenhum tipo de benefício, nem para o corpo nem para a saúde. Eles afetam a produção de dopamina, uma substância química que promove a sensação de felicidade e bem estar, auxiliando também na função cognitiva e na capacidade de aprendizado, atenção, motivação e memória.

4 – Frituras

Quase todos os alimentos processados contêm produtos químicos, corantes, aditivos, sabores artificiais, conservantes, que podem afetar o comportamento e o funcionamento cognitivo, além de provocar hiperatividade tanto em criança como em adultos. Os alimentos fritos destroem lentamente as células nervosas localizadas no cérebro.

5 – Sal

Os alimentos muito salgados afetam a pressão arterial e fazem muito mal ao coração. E podem afetar também a função cognitiva e prejudicar a capacidade de pensar. Algumas pesquisas mostraram que o consumo de alimentos salgados e nicotina têm o mesmo efeito de drogas no organismo.

6 – Grãos

Com exceção dos grãos 100% inteiros (que são ricos em fibras e previnem o envelhecimento arterial), todos os outros grãos têm impacto sobre o funcionamento do cérebro, podendo causar perda de memória e confusão mental. Por isso, tente trocar os carboidratos regulares por integrais.

7 – Proteínas processadas

A carne é a mais rica fonte de proteína, mas os excessivamente processados, como salsichas, salames, e outros, têm efeito nocivo no organismo. Prefira fontes naturais de proteínas, como peixe, especialmente atum e salmão, laticínios, nozes e sementes.

8 – Gordura trans

As gorduras trans são responsáveis por uma série de problemas para a saúde, prejudicando o colesterol, o coração, e aumentando as chances de obesidade. Para o cérebro também são ruins, podendo resultar num encolhimento do cérebro, algo semelhante à doença de Alzheimer. Além disso, aumentam o risco de ter um AVC.

9 – Adoçantes artificiais

As pessoas que querem perder peso tendem a substituir o açúcar por adoçante, por conterem menos calorias. Mas, por outro lado, se forem usados por um período de tempo prolongado, podem interferir na capacidade cognitiva.

10 – Nicotina

Apesar de não ser um alimento, a nicotina pode ser considerada como um dos produtos mais prejudiciais à saúde. Além de provocar envelhecimento precoce da pele, causar mau hálito e aumentar as chances de desenvolver câncer de pulmão, afeta a produção e a função dos neurotransmissores, comprimindo os vasos sangüíneos, que desempenham um papel fundamental na função cerebral.

Via Fitnea

Comentários
Dicas relacionadas