Não tenho desejo sexual, o que fazer?

Entenda o porquê da falta de desejo sexual

Atualizado em 24/05/2013 10:14

nao tenho desejo sexual Não tenho desejo sexual, o que fazer?

A ausência de desejo sexual não é uma queixa exclusiva do período pós-menopausa, muitas mulheres jovens referem diminuição da libido ou mesmo ausência dela. Existem vários fatores que podem influenciar nesta questão, vamos então destaca-los.

O que pode influenciar o apetite sexual da mulher?

Hormônios

Aqui está um motivo importante a ser investigado em mulheres jovens! Neste caso, a redução da libido pode ser decorrente de alterações na produção de testosterona, hormônio masculino produzido em menor quantidade pelas mulheres. Outro hormônio que pode estar alterado é a prolactina, hormônio que age conjuntamente com outros dois hormônios femininos, o LH e FSH.

Idade

A diminuição da libido após a menopausa tem uma explicação na redução da produção hormonal da mulher, que também resulta em ressecamento vaginal e atrofia urogenital, podendo ser mais um fator desestimulante para a atividade sexual.

O impacto psicológico deste efeito é de extrema importância, sendo motivo principal na diminuição da qualidade de vida para muitas mulheres. A reposição hormonal é um aliado neste caso.Porém, alguns especialistas defendem que a idade pode ser uma aliada!

Maturidade dá à mulher maior segurança do seu corpo e entendimento da própria sexualidade, o que pode ser um perfeito aliado para aumento da libido. Dessa forma, vai depender de como a mulher lida com a idade e seus ganhos!

Medicamentos

O uso de medicações hormonais, como os próprios anticoncepcionais, os antidepressivos, ansiolíticos e mesmo anti-hipertensivos, podem ser fatores que contribuem para a diminuição do desejo sexual. Esse é um dos motivos que se esquece de checar não é!?

Depressão

Neste caso, há um comprometimento importante do interesse sexual e consequentemente da capacidade de sentir prazer na relação, o que já é uma característica própria do estado depressivo. Sem o desejo não há efetivação do estímulo sexual, o que compromete também o relacionamento do casal.

Estresse e ansiedade

Motivo próprio do nosso mundo contemporâneo! Combinado com uma alimentação nada saudável e o excesso de peso, são o trio perfeito para a redução da libido. Reeducação alimentar e uma tentativa de organizar sua vida melhor é um bom conselho. Cada mulher deve reavaliar seu esquema de vida quando perceber que está afetando seu desempenho sexual, não dá para recomendar uma terapia ou aula de ioga se você nem tem tempo para isso. O melhor é reavaliar seu ritmo e reformular as coisas.

Além do excesso de trabalho, o estresse pode ser provocado por um acontecimento trágico na família, um parente doente, um fracasso inesperado em alguma atividade ou mesmo problemas no relacionamento conjugal.

Parto recente

Cheguei a um motivo problemático para algumas mulheres! As alterações no corpo ainda não bem aceitas são motivos importantes para uma série de mulheres. Porém, há um fator que influencia diretamente no desejo sexual, o aumento do hormônio prolactina, característico do período de lactação. Com a elevação de seus níveis, há inibição de outros hormônios femininos. Portanto, é passageiro.

Como você viu, fatores orgânicos e psicológicos interagem na alteração da libido. E o melhor, não precisa se desesperar porque atualmente os tratamentos são eficazes na quase totalidade dos casos.