Ginástica localizada

Exercícios para aumentar a resistência muscular são o principal atrativo da modalidade, conheça outros benefícios

Por Deborah Busko

ginastica localizada Ginástica localizada

A ginástica localizada é uma das mais tradicionais formas de fazer exercícios físicos. Nas academias, a modalidade é campeã de participantes dispostas a encarar a malhação para queimar muitas calorias, já que esta é uma ótima forma de adquirir saúde e deixar o corpo bonito.

Acessórios como barras com pesos, halteres, caneleiras, steps, colchonetes e bastões são utilizados nas aulas e, ao ritmo de músicas animadas, o professor comanda os exercícios a serem feitos, como também as correções para a execução perfeita de cada movimento.

O acompanhamento por um profissional da área é importante não só para obter resultados satisfatórios com a prática da atividade, mas também para evitar lesões musculares, nas articulações ou mesmo problemas de postura.

O nome ginástica localizada é dado pela forma com ela é feita, com exercícios em séries para manter e desenvolver a força e a resistência de um determinado músculo ou grupo muscular.

Os membros inferiores, membros superiores e tórax são trabalhados em alta intensidade na maior parte do tempo. Exercícios para o abdômen, glúteos e adutores também são realizados utilizando sobrecargas, como caneleiras, para aumentar o esforço. O principal objetivo dos exercícios localizados, portanto, é aumentar a resistência muscular.

Benefícios da ginástica localizada

Uma aula de ginástica localizada dura, em média, 60 minutos e deve ser feita por pelo menos três vezes na semana para apresentar resultados positivos. Como boa parte dos exercícios são aeróbios, ou seja, estimulam coração e pulmões, entre os principais benefícios da ginástica localizada estão a melhora do sistema cardiorrespiratório e o fortalecimento dos músculos de forma geral.

Praticar ginástica localizada também ajuda a melhorar a postura devido ao fortalecimento dos músculos da região lombar e reduz os riscos de lesões ao realizar as tarefas diárias.

Quando estão fracos, os músculos são mais suscetíveis a lesões. Porém se fortalecidos, oferecem proteção extra aos tendões e ligamentos, principalmente quando são submetidos a situações estressantes, que podem ser atividades normais do dia-a-dia, como carregar compras, cuidar dos filhos, praticar esportes ou limpar a casa.

Vale lembrar que antes de iniciar os exercícios é muito importante fazer o aquecimento, com duração de aproximadamente 10 minutos, e reservar de 5 a 10 minutos ao final da aula para desacelerar o corpo com um relaxamento.