Dicas de Mulher Dicas para Mães

Fralda de pano ou fralda descartável: qual a melhor opção?

Com a necessidade de cuidar melhor do nosso planeta, muitas famílias preocupadas com o meio ambiente têm voltado a utilizar as fraldas de pano

em 15/09/2014

Foto: Thinkstock

As fraldas descartáveis começaram a ser produzidas em larga escala a partir dos anos 50. A ideia surgiu após uma viagem familiar do engenheiro químico americano Vic Mills, em que ele se aventurou na difícil missão de lavar as fraldas de sua neta recém-nascida. Vendo quão difícil era a tarefa, Mills desenvolveu um produto absorvente que prevenia vazamentos, deixava o bebê limpo e seco e podia ser descartado depois do uso. O objetivo era facilitar a vida das mamães.

Com o passar dos anos, o que antes era artigo de luxo tornou-se essencial na vida da grande maioria das famílias. A praticidade das fraldas descartáveis fez com que as vendas atingissem uma porcentagem de 90% da preferência do consumidor brasileiro. Entretanto as preocupações com o meio ambiente e com o destino do lixo, passou a gerar discussões sobre o impacto das fraldas descartáveis.

Segundo uma pesquisa realizada pela Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo da Unicamp, uma fralda descartável leva, em média, 600 anos para se decompor na natureza. Além disso, o destino dos descartáveis são os aterros sanitários. Soma-se a isso o fato de que para a fabricação das fraldas descartáveis há a utilização de recursos como petróleo, árvores e água.

Por esses motivos, as fraldas de pano voltaram a ser utilizadas nos últimos anos como alternativa para famílias conscientes com o impacto que as fraldas descartáveis causam ao meio ambiente.

De acordo com Ana Paula Silva, idealizadora da linha de fraldas Bebês Ecológicos da Morada da Floresta, empresa fundada em 2009, nos últimos quatro anos a procura tem sido crescente e “a opção das fraldas de pano consiste em uma atitude mais sustentável uma vez que sua produção não implica o abate massivo de árvores e na geração de uma enorme quantidade de lixo produzida pelas fraldas descartáveis”.

Fraldas descartáveis: praticidade

É consenso entre as mães que o uso de fralda descartável é prático e conveniente. A economia de tempo é um dos fatores predominantes na escolha. O fato de ser de fácil acesso, amplamente disponível e fácil de usar também contribui para a popularidade.

Além disso, um dos benefícios do uso da fralda descartável está no gel com que ela é fabricada. As fraldas descartáveis são compostas por uma camada exterior de polietileno e uma camada interna de pasta de papel, poliacrilato e água – que formam um gel. Esse gel tem uma capacidade de absorção muito grande, o que deixa o bebê bem sequinho.

Fraldas de pano: ecologicamente corretas

Um caminho para a preservação do meio ambiente é a substituição das fraldas descartáveis por modelos reutilizáveis, feitos de pano.

Fralda de Pano por R$35,60 na loja Bio Fraldas. Foto: Divulgação

Esqueça aquele modelo tradicional: um pedaço de pano preso com alfinetes e envolto por uma calça plástica! Agora, as fraldas de pano são mais práticas e possuem os fechos de botões ou velcro ajustáveis.

Há versões com recheios absorventes (faixas de algodão), que podem ou não ser retirados para lavar. A camada externa também varia: algodão, plush, malha ou poliéster, cuja vantagem é secar mais rápido: “as fraldas de pano são confeccionas em diferentes materiais, oferecendo opções como 100% algodão ou em tecidos esportivos como Dry Fit e poliamida, que são tecidos de rápida secagem e resistência à lavagem na máquina”, afirma Ana Paula.

Além disso, o uso da fralda de pano permite que a pele delicada do bebê não fique em contato com substâncias químicas e nocivas.

Economia: faça as contas

Segundo estimativas, um bebê de até cinco quilos utiliza oito fraldas descartáveis por dia, ou seja, 240 no fim do mês e, aproximadamente, 3 mil em um ano. Considerando o custo médio de um real por fralda, os gastos alcançariam mais de 6 mil reais nos dois primeiros anos de vida do bebê.

Em contrapartida, Ana Paula afirma que o gasto médio com o uso de fraldas de pano não ultrapassaria os 2 mil reais: “apenas 20 fraldas tamanho único suprem a necessidade de uso desde o bebê recém nascido até o desfralde”. Ainda de acordo com a especialista, “a escolha das fraldas de pano permite também uma poupança econômica e ao mesmo tempo incentiva a economia local e as práticas de negócios sustentáveis”.

Onde comprar fraldas de pano?

Conheça algumas lojas brasileiras que vendem fraldas de pano pela internet:

Comentários
Dicas relacionadas