Dicas para escolher o nome do bebê

Confira quais aspectos devem ser considerados para tomar uma das decisões mais importantes na vida da criança

Por Juliana Cazarine
Atualizado em 28/05/2013 15:09
como escolher nome bebe Dicas para escolher o nome do bebê

Foto: Thinkstock

Felipe, Tiago, Marcelo… Que nome escolher para alguém que ainda nem nasceu? Que tal João? Será que é de “velho” ou comum de mais? Escolher o nome de um bebê não é tarefa fácil. Há quem diga que o melhor é deixar a decisão para o dia do nascimento, outros defendem a ideia de que o significado é o que deve nortear os pais na hora da escolha.

Desde o momento em que descobre que está grávida até o dia do nascimento do bebê, a mãe ouve incontáveis sugestões de nomes, mas o primeiro passo para tomar a decisão correta é saber que ela e o pai darão a palavra final. Mas, antes disso, é preciso atentar-se a alguns detalhes. Primeiro e mais importante: o bem-estar da criança vem em primeiro lugar.

O nome ideal é aquele que tem boa sonoridade, que é facilmente compreendido pelas pessoas e, por fim, que é simples de escrever, lembrar e falar. Para saber se o nome que você tem em mente atende a essas características, escreva-o várias vezes, chame-o em voz alta, imagine-o em diálogos e combine-o com os sobrenomes da família.

A gestora em moda Alessandra Alves escolheu o nome de sua primeira filha, Juliana, por causa da junção dos nomes de suas avós: “A mãe da minha mãe se chamava Julia, um nome que eu acho bonito. Mas a minha sogra queria que a primeira neta tivesse o nome da mãe dela, Ana. Então, fizemos uma junção e ficou ótimo.”

Nesse caso, juntar o nome de duas pessoas e fazer homenagens deu certo, mas nem sempre é assim. Carregar o nome de um parente pode inibir a individualidade de uma criança, além de causar constrangimento, quando o nome é incomum. O vendedor Olívio Alves Junior acha o seu nome incomum e, apesar de não ter problemas por isso, só é chamado de Junior. “Gosto de homenagear o meu pai, mas preferia ter um nome só meu”, diz.

Nem sempre as homenagens são feitas à família. Você não conhece ou ouviu falar em algum Michael Jackson que não seja o astro pop? É preciso ter cuidado, esses nomes podem ser motivo de gozação na escola. A numerologia também é responsável por nomes “estranhos”. Existem nomes com duas letras coladas que não fazem diferença para a grafia ou sonoridade da palavra. É preciso estar atenta aos nomes Anna, Phelipe, entre outros.

Acreditando ou não que o significado do nome tem influência na personalidade de uma pessoa, é preciso atentar-se a esse detalhe. Alguns nomes comuns, como Carolina e Letícia, têm significados inimagináveis. Significam pequena fazendeira e alegria, respectivamente. Indiretamente, esse será o significado do nome do seu filho. Sendo assim, sejam cautelosos ao escolher o nome do bebê.