Dez dicas para falar bem em público

Confira algumas dicas para perder o medo de falar em público e fazer bonito nas apresentações

Por Deborah Busko
Atualizado em 16/01/2012 8:57

dicas falar bem em publico Dez dicas para falar bem em público

Enquanto para alguns expor suas ideias diante de uma platéia mesmo que pequena é algo simples e descomplicado, para outros o medo de falar em público torna a tarefa bastante complicada.

Selecionamos dez dicas para falar bem em público que podem ajudar na carreira profissional ou na vida pessoal de quem precisa encarar esse tipo de situação.

1 – Para que o público entenda bem a mensagem, você precisa conhecer o assunto. Sabendo claramente qual o objetivo da sua apresentação, fica mais fácil escolher a mensagem correta e elaborar um discurso adequado para a ocasião.

2 – Estar preparada é essencial. Além de conhecer o tema, você precisa saber também como fazer sua apresentação de maneira organizada. Elabore uma exposição clara e treine e casa. Um bom exercício é treinar a apresentação diante do espelho.

3 – Saber quem são seus ouvintes também é importante e quanto mais informações sobre seu público, melhor. As características de cada público, como a faixa etária, nível intelectual e até que ponto conhecem o assunto podem fazer com que você ajuste sua linguagem e sua forma de apresentação se necessário.

4 – Treine com antecedência as respostas para as possíveis perguntas que poderão ser feitas pela platéia durante a sua apresentação.

5 – Agir com naturalidade é uma ferramenta da boa comunicação e uma das dicas para falar bem em público. Tente se comportar de maneira espontânea, isso transmite credibilidade e faz com que os ouvintes aceitem bem a mensagem. Agindo de forma artificial e usando frases decoradas, as pessoas poderão duvidar das suas intenções.

6 – Não confie na memória. Se você se esquecer de uma palavra importante, pode acabar se perdendo. Por isso, faça anotações de apoio com as principais ideias da apresentação, palavras-chave, dados e demais informações que podem ser úteis no caso de um “branco”.

7 – Não descuide da linguagem na hora de falar. Uma escorregadinha ou outra na gramática talvez não comprometam sua apresentação, mas erros grosseiros certamente não passarão despercebidos pela platéia. Na dúvida, substitua a palavra.

8 – Utilize as novas tecnologias. Uma apresentação com slides, vídeos e outros recursos se torna muito mais interessante, mas mais uma vez é preciso ter cuidado para não exagerar.

9 – Seja bem humorada, mas use o humor corretamente. Um orador bem humorado consegue prender a atenção dos ouvintes com mais facilidade, mas isso não significa contar piada ou tentar fazer as pessoas rirem o tempo todo. Se o assunto permitir, use o humor para tornar a apresentação mais leve e descontraída.

10 – Transmita serenidade. Demonstre interesse e envolvimento pelo assunto, fale sempre com energia, entusiasmo, emoção. Sorria sempre e não se esqueça de agradecer a oportunidade ao abrir e encerrar sua apresentação.