Novidade! Baixe nosso app em seu smartphone Android iPhone

Dicas de Mulher Dicas de Beleza

Cuidados no uso do ácido retinoico

Saiba como aproveitar os benefícios da substância sem colocar sua pele em risco

em 12/01/2012

O ácido retinoico se tornou conhecido nas clínicas de estética por suas excelentes propriedades. Ele suaviza as rugas, estimula a produção de colágeno, melhora a textura e aumenta da firmeza da pele. Além disso, serve para clarear e prevenir manchas escurecidas, controlar a oleosidade, prevenindo a acne.

E os benefícios do ácido retinoico não param por aí. Ele também é usado no preparo da pele para procedimentos rejuvenescedores, como peeling facial ou aplicação de laser rejuvenescedor. Como se vê, motivos não faltam para o sucesso da substância. No entanto, se for usado de forma errada, o ácido retinoico pode ter efeitos negativos.

Um estudo recente publicado pelo British Journal of Dermatology comprovou que, se o ácido causar inflamação na pele, sua ação é reduzida, assim como a produção de colágeno.

Dessa forma, o ácido retinoico pode ter seu papel negativo e o efeito ser contrário ao espera: acelerar o envelhecimento da pele.

O primeiro grande erro no uso do ácido retinoico e que pode levar aos efeitos indesejados é exagerar nas concentrações da substância.

O ideal é começar o tratamento usando o ácido com porcentagem baixa e aí, ir aumentando gradativamente. Outro erro é acreditar que o medicamento só está realmente fazendo efeito se a pele começar a descamar, quando na verdade, para ter efeito rejuvenescedor, o ácido não deve provocar nenhuma descamação.

Reações como descamação, vermelhidão e irritação podem aparecer no início do tratamento com ácido retinoico, principalmente em peles mais sensíveis.

No entanto, se permanecerem por muito tempo, é sinal de que o ácido não está sendo usado corretamente. Neste caso, para não suspender o tratamento, o melhor é usar o medicamento em noites alternadas por no máximo duas ou três vezes na semana.

Outra dica importante é não exagerar na quantidade. O equivalente a um grão de ervilha já é suficiente para aplicar no rosto todo. Vale lembrar que a aplicação do filtro solar todos os dias, até mesmo quando estiver nublado, é imprescindível para quem está faz uso do ácido retinoico.

Receba nossas melhores dicas diretamente em seu e-mail

Assine nossa newsletter para receber nossas novidades sobre os assuntos do momento.

Nós odiamos spam. Nunca usaremos seu e-mail para outros fins.

Comentários
Dicas relacionadas