Dicas de Mulher Dicas de Beleza

Cortes de cabelo feminino: 200+ fotos lindas e inspiradoras

Saiba quais fatores influenciam a escolha e o sucesso de um corte, aprenda a desvendar cada um deles e identificar o seu corte ideal

em 18/08/2015

Foto: Reprodução / Kayture

Foto: Reprodução / Kayture

A relação das mulheres com os cabelos é bastante íntima, afinal ele é um aliado poderoso na hora de conquistar determinado visual desejado e completar um look.

Neste sentido, é muito comum a preocupação presente na escolha de um corte, pois, além de servir como moldura e complemento para o visual, um corte pode traduzir a sua personalidade.

São muitos os fatores que contribuem para o sucesso de um corte como o formato do rosto, a estrutura dos fios, a tonalidade da pele e também o estilo pessoal de cada um.

Saiba como cada um destes fatores influencia na escolha do corte e confira dicas e truques valiosos do profissional Cesar Aubar, especialista em corte e coloração e visagista do Salão The Spa, para encontrar o corte ideal para você.

Cortes de cabelo inspiradores

Confira uma série de imagens, com cortes de diferentes estilos, para inspirar e te ajudar na escolha do seu corte de cabelo ideal.

Como o formato do seu rosto influencia na escolha do corte

“A leitura do rosto da cliente é importantíssima, já que a partir desta leitura poderemos trabalhar alongando, afinando ou criando texturas, para que aquele corte revele o ‘algo a mais’ que ela procura”, explica o especialista Cesar.

Veja dicas para identificar o formato do seu rosto e escolher o melhor corte para ele, além de imagens para te inspirar.

Como descobrir o formato do seu rosto?

Você pode descobrir o formato do seu rosto facilmente em frente ao espelho. Basta você aproximar o seu rosto no espelho após o banho, e, aproveitando o vapor do chuveiro, desenhar com o seu dedo o contorno do seu rosto no espelho.

Mas, se você não quer esperar até o horário do banho, também pode desenhar o contorno do seu rosto no espelho com a ajuda de um batom ou delineador.

Depois que desenhar o formato do seu rosto no espelho, a resposta para descobrir qual o formato do seu rosto está em alguma destas 4 perguntas:

  • Seu rosto é aproximadamente 2x mais comprido do que largo? Ele é um pouco mais estreito na mandíbula e na testa do que nas têmporas? Se sim, você tem um rosto oval.
  • Sua testa é tão larga quanto sua mandíbula e têmporas? A linha onde o cabelo nasce na sua testa é reta? Se sim, você tem um rosto quadrado.
  • Seu rosto é tão largo quanto comprido, sendo que a parte mais larga é a que está alinhada às orelhas? Se sim, você tem um rosto redondo.
  • Sua testa e bochecha são largas e a mandíbula é estreita? Se sim, você tem um rosto triangular.

Agora que você já sabe qual é o formato do seu rosto, veja quais cortes de cabelo combinam com você.

Rosto Redondo

Características: queixo arredondado, poucos ângulos bem definidos, bochechas proeminentes.

Para minimizar a impressão de rosto redondo, faça um corte em camadas para emoldurar o rosto. Outra sugestão é manter sempre o corte de cabelo mais comprido que a altura do seu rosto, assim você consegue sempre dar a impressão de um rosto mais comprido e menos achatado.

“Invista em uma franja de forma que ela fique na diagonal ao rosto, é a melhor franja a ser usada. Criando textura no cabelo, trabalhe com linhas abaixo do queixo ou ombro, isso trará uma ilusão ovalada”, aconselha Cesar.

Rosto Oval

Características: proporções do rosto bem similares, mandíbula e testa mais estreitos e maçãs do rosto proeminentes.

Mulheres de rosto oval podem experimentar praticamente todos os cortes de cabelo. Quem tem o rosto oval pode usar cabelo longo, médio ou joãozinho, com ou sem franja e qualquer um desses estilos ficará bom.

“Considerada a forma ideal de rosto, que combina com qualquer tipo de corte abuse nos cortes e franjas”, diz o visagista.

Rosto Triangular

Características: queixo proeminente, osso da maçã do rosto bem visível e testa ampla.

“Quem possui o rosto triangular pode investir em um cabelo de médio a comprido, trabalhar técnicas que dão mais volume na parte inferior do rosto é ideal para compensar o maxilar mais saliente, no caso da franja busque franjas mais desfiadas e evitar prender os cabelos fazendo o “rabo de cavalo” onde evidencia ainda mais seu formato de rosto”, orienta Cesar.

Rosto Quadrado

Características: largura e comprimento proporcionais, mandíbula e testa amplos.

Corte feito em camadas compridas e franjas finas deixam o visual mais delicado. Outra opção é dividir o cabelo na lateral e não ao meio.

Evite franjas pesadas e muito retas e também fuja dos penteados que dão volume ao redor da cabeça (como uma coroa), pois estes deixarão em evidência os ângulos quadrados do seu rosto.

“O corte repicado é uma boa pedida, já que ele evita essa geometria quadrada, tanto do rosto quanto do cabelo, porém não abuse do volume ao finalizar. A franja pode entrar suavizando os traços”, afirma o especialista Cesar Aubar.

A estrutura do fio e o corte

Foto: Reprodução / Negin Mirsalehi

Foto: Reprodução / Negin Mirsalehi

O seu tipo de cabelo pode afetar na escolha de um corte de cabelo. Isso é válido tanto para a textura (cacheado, liso, crespo ou ondulado) quanto para a espessura (fios grossos ou finos).

Segundo o visagista Cesar Aubar cabe ao profissional identificar cada tipo de cabelo e adaptar a inspiração e o desejo da cliente ao tipo de cabelo da mesma.

“Podemos observar claramente ao sairmos nas ruas que alguns cabelos estão mais leves, outros pesados, cabelos desalinhados e outros perfeitamente cacheados, a forma e a textura que damos ao cabelo tem total influencia no caimento e finalização do fio”, aponta Cesar.

Cabelos lisos tendem a ter menos volume, portanto é interessante investir em cortes que concedam movimento ao cabelo (repicado ou camadas). Já no caso dos cacheados, para evitar o volume excessivo a dica é apostar em cortes repicados e assimétricos, para encaixar e dar equilíbrio aos fios.

Vale lembrar que este não é o único fator que influencia a escolha de um corte, é interessante consultar um especialista no assunto para encontrar o corte ideal para o seu cabelo e sua personalidade. Além disso, o mais importante é não se prender as regras e considerar acima de tudo o seu gosto pessoal e a satisfação com o seu visual.

Combinando corte e personalidade

Foto: Reprodução / Chapter friday

Foto: Reprodução / Chapter friday

Saiba qual personalidade é refletida em cada corte de cabelo e confira qual o melhor comprimento de acordo com o seu estilo de vida:

Curtíssimo

Segundo o visagista Cesar Aubar, os cortes pixie (curtíssimos) são ótimas opções para quem busca praticidade no dia a dia, porém a praticidade não se mantém na hora de manter o corte, pois a manutenção é frequente (o intervalo certo depende do ritmo de crescimento de cada cabelo).

Além disso, os cortes pixie combina com mulheres de traços mais delicados, olhos grandes e amendoados, que têm hábitos de usar acessórios, brincos, lenços e maquiagem mais marcada, pois destaca todos estes elementos.

Curto ou Chanel

No universo dos curtos, a rápida manutenção também se faz necessária. Este estilo de corte pode passar diferentes imagens, tanto uma mais clássica e séria, quanto uma mais despojada e moderna, tudo depende da textura criada no cabelo.

Os cortes simétricos remetem à opção mais clássica de curto, já os cortes em camadas, com volume e tamanhos irregulares dizem respeito à imagem mais ousada do comprimento. Assim é possível adaptar o corte à sua personalidade.

Médio ou Long Bob

De acordo com Cesar, os cortes médios são adotados, normalmente, por mulheres seguras, que não abrem mão da feminilidade do comprimento dos fios, mas que desejam passar ao mesmo tempo uma imagem moderna.

Assim como nos curtos, é possível investir em texturas para adaptar o comprimento ao seu gosto e estilo pessoal.

Longo

O visagista Cesar Aubar afirma que o cabelo longo remete à mulheres mais tradicionais e que usam o cabelo para transmitir sensualidades e elegância. “O longo também é preferência de mulheres que apreciam a variedade que o cabelo longo oferece, por exemplo em penteados e finalizações”, conta Cesar.

Afro ou cacheado

Mulheres de cabelo crespo e/ou cacheado que optam por liberar e assumir o volume dos cachos já se caracterizam como seguras de si e donas de uma beleza natural e livre.

Cuidar dos fios pode ser mais difícil, porém é possível investir em cortes, penteados e acessórios para deixar os fios de acordo com o seu gosto.

Cortes com franja

Com relação às franjas, o especialista Cesar as indica principalmente para quem possui o osso frontal mais amplo, a fim de harmonizar o visual ou até mesmo neutralizar completamente a região.

Além disso Cesar destaca a possibilidade de adaptação das franjas: “Lembrando que existem vários tipos de franja e por consequência disso, mulheres de personalidades diferentes optam por usá-las”, diz.

O tom de pele e a cor do fio

“Vamos pensar que a cor veste o corte, a cor traz vida e luminosidade ao fio é como um acabamento fino realizado após o corte, a cor irá influenciar diretamente no trabalho do corte.”

”Os cortes podem ser variados, uma das principais características que vai influenciar na cor em relação ao corte é o tom de pele da cliente, temos diversas tonalidades de loiras, ruivas e morenas, a percepção incorreta de um tom de pele pode acabar com um cabelo”, explica Cesar.

Veja as dicas do especialista em cabelos Cesar Aubar para combinar o tom da sua pele com a cor do seu cabelo e conquistar harmonia no visual junto com o corte escolhido.

Pele clara

“Para as mulheres com a pele mais clara, podemos trabalhar com reflexos mais claros, uma tendência um pouco mais bege, mel. O reflexo mais claro que o tom natural sempre cairá muito bem, lembrando que para as meninas mais ousadas o acobreado combina muito bem podendo até variar as tonalidades com reflexos mais claros de cobre”, explica o visagista Cesar Aubar.

Pele morena

“As morenas podem apostar nos tons quentes, marrons, dourados, avermelhados e acobreados. Morenas com a pele mais clara devem optar por tons mais neutros como castanho claro e o efeito tom sobre tom”, afirma Cesar.

Pele negra

“Dentre tantas cores, podemos ressaltar os castanhos com uma luminosidade, o famoso efeito queimado de sol, mechas tom sobre tom, optar por tons quentes avermelhados e alguns tons de cobre”, diz o profissional.

Pele oriental

As orientais, mestiças ou descendentes tendem a ter a pele mais amarelada, portanto podemos sair da mesmice do cabelo escuro e optar por leves pontos de iluminação. Quando o assunto é ficar “loira”, aposte em tons de caramelo, bege, pois se o cabelo ficar todo muito claro isto lhe trará um efeito apagado, aposte na naturalidade”, aconselha Cesar.

4 fatores para analisar antes de mudar de corte de cabelo

Confira quatro pontos importantes que você deve analisar antes de partir para uma mudança na estrutura e no cumprimento dos seus cabelos e que podem te ajudar a decidir mudar ou não.

1. A característica de cada cabelo

Não existe um corte coringa que fica perfeito em todo mundo, afinal, como já deu para perceber, são inúmeros os fatores que contribuem para o “encaixe” do corte à pessoa.

Portanto na hora de escolher o seu novo corte é preciso considerar (de forma conjunta) as características do seu cabelo e rosto que influenciam esse encaixe: a estrutura do seu fio, o formato do rosto, a cor da sua pele e o tom do seu cabelo.

2. As inspirações

Antes de mudar de corte, é sempre bom buscar referências e analisar diferentes possibilidades e inspirações, assim é mais fácil do seu cabeleireiro acertar no corte e de você ficar satisfeita com o novo visual.

3. Seu estilo e personalidade

Além das características físicas, um outro fator que pode influenciar a escolha do corte é a sua personalidade e o seu estilo, pois o corte deve traduzir o seu gosto e jeito de ser (ousado, discreto, moderno, clássico, sério, descontraído e assim por diante).

Além dessa tradução, o corte deve de certa forma “agradar” a sua personalidade, no sentido de não alterar o seu modo de fazer as coisas. Por exemplo, se você é uma pessoa prática e não tão fiel aos cabeleireiros, sua personalidade pede cortes que não exijam uma manutenção constante.

4. Seu momento de vida

Novamente, o corte é responsável pela tradução visual da sua personalidade, porém pode ser mais que isso, também pode traduzir o seu estado de espírito, o seu momento de vida, ou seja, a forma como você se sente e deseja ser vista.

Pensando nisso e nos pontos anteriores, fica mais decidir adotar ou não um novo corte e mais, elencar possíveis estilos de cortes que combinam com o seu estilo, seu momento de vida e com as suas características físicas.

Teste: Qual o melhor corte de cabelo para você?

Foto: Reprodução / Negin Mirsalehi

Foto: Reprodução / Negin Mirsalehi

Faça o teste e descubra qual estilo de corte é recomendado para você, segundo o seu formato de rosto, seu estilo e sua personalidade.

  1. Como você define o seu estilo?




  2. Quais dos itens abaixo não podem faltar no seu look?




  3. Com que frequência você vai ao cabeleireiro?




  4. O que você costuma fazer no seu tempo livre?




  5. Qual sua opinião sobre cabelos coloridos?




  6. Que palavra mais combina com você neste momento?




Receba nossas melhores dicas diretamente em seu e-mail

Assine nossa newsletter para receber nossas novidades sobre os assuntos do momento.

Nós odiamos spam. Nunca usaremos seu e-mail para outros fins.

Comentários
Dicas relacionadas