Como voltar à rotina depois das férias

Dicas para retomar o ritmo do trabalho e voltar a ter uma alimentação saudável depois do descanso

Por Deborah Busko

voltar rotina depois ferias Como voltar à rotina depois das férias

Você passou o ano todo planejando e contando os minutos para as tão sonhadas férias, aproveitou cada instante do merecido descanso, mas infelizmente, chegou ao fim. Na hora voltar para o batente e encarar a rotina, o ideal seria estar com as baterias recarregadas. Mas nem sempre é assim.

Depois de passar semanas longe das tarefas profissionais, é normal bater aquela preguiça e aquela sensação de “depressão pós-férias”. Mas como fazer o corpo entender que é preciso entrar no ritmo outra vez?

Sono, cansaço, irritabilidade, problemas de concentração, alterações no apetite e até tristeza são os sintomas mais comuns na volta ao trabalho depois das férias.

A boa notícia é que, segundo especialistas, esses sintomas tendem a desaparecer em poucos dias. Em casos mais extremos, podem durar duas ou três semanas, mas logo vão embora.

Para evitar o desânimo depois das férias, experimente voltar de viagem alguns dias antes da data de retornar ao trabalho. Aproveite para organizar a casa, lavar a roupa, ir ao supermercado e colocar tudo em ordem. Tente ir para a cama no horário de costume e acordar cedo. Dormir um pouco mais é o que todo mundo quer nas férias, mas é preciso criar estratégias para se reaquecer e ir se acostumando com a rotina aos poucos.

Durante o período de férias é comum dar aquela relaxada, inclusive na dieta. Com as festas de fim de ano, viagens e alguns dias em casa, sobra um tempinho para cometer alguns abusos e se render às delícias da cozinha. No entanto, continuar cometendo esses deslizes após o final das férias pode comprometer os resultados conquistados ao longo do ano todo.

É por isso que no retorno das férias o ideal é retomar a boa alimentação e pegar firme na dieta novamente. Para quem passou o ano sem se importar muito com isso, é a oportunidade para começar a fazer uma reeducação alimentar.

Faça de cinco a seis pequenas refeições por dia e não fique sem se alimentar por mais de três horas, isso mantém o metabolismo ativo e aumenta o gasto de calorias. Comece mudando o café da manhã. Troque os bolos e pães por frutas e cereais integrais, que são cheios de vitaminas, melhoram a disposição e dão mais energia. Além disso, são riquíssimos em fibras e dão a sensação de saciedade. Assim, você demora a sentir fome outra vez.

No almoço e no jantar, reforce o prato com verduras e legumes. Troque o arroz branco pela versão integral e dê preferência às carnes brancas ou ao ovo, que têm proteína vegetal e menos gordura saturada do que as carnes vermelhas. Para a sobremesa, salada de frutas ou doces à base de frutas, opções fresquinhas para o verão.