Novidade! Baixe nosso app em seu smartphone Android iPhone

Dicas de Mulher Dicas de Comportamento

Como evitar situações constrangedoras

Não deixe seu corpo fazer você passar vergonha com estas dicas fáceis de seguir

em 19/09/2014

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Existem diversas coisas que podem nos fazer passar por situações extremamente embaraçosas, como a barriga que não para de fazer barulhos ou o temido mau hálito. Para se livrar de vez desses incômodos que queimam sua imagem especialmente naquelas horas que não devia, confira nossas dicas sobre 6 problemas mais comuns e siga as sugestões.

1 – Ronco na barriga

Causa

O seu estômago pode fazer barulhos tanto quando está vazio por muito tempo quanto quando está processando a comida que acabou de ingerir. Isto ocorre devido aos movimentos que o estômago faz, chamados de movimentos peristálticos.

Solução

Para evitar o barulho na barriga, faça pequenas refeições evitando ficar com o estômago vazio por muito tempo e sem enchê-lo demais de uma vez só. Lembre-se que o ideal é fazer de cinco a seis refeições diárias e não apenas três refeições com uma quantidade enorme de alimentos.

Porém, se isso não bastar, talvez você deva procurar um médico para verificar se não tem algum problema gastrointestinal.

2 – Halitose

Causa

Uma das causas do mau hálito é a falta de escovação da língua. O vício do cigarro e problemas como sinusite também podem te deixar com bafo de leão. E ainda, ficar sem comer ou ingerir alimentos como cebola e alho exageradamente também podem causar mau cheiro na boca.

Solução

Procure eliminar as causas do mau hálito citadas acima. Por exemplo, fume menos e não passe longos períodos sem comer. Você pode também incluir a salsa na alimentação, porque ela contém clorofila, substância responsável por amenizar o mau cheiro.

3 – Flato vaginal

Causa

Durante a relação sexual, um pouco de ar pode entrar na vagina e causar os flatos vaginais, os quais geralmente não possuem odor. Como a vagina não possui esfíncter, não é possível controlar a saída desse ar e ele acaba escapando assim que a musculatura relaxa.

Solução

Para fugir dos gases vaginais, você pode evitar algumas posições que deixam entrar mais ar na vagina, como a posição de quatro e qualquer outra em que o pênis saia e entre quase totalmente ou totalmente da vagina. Mas, se acontecer durante a relação, não fique com vergonha. Encare isso com bom humor e continue o que estava fazendo!

4 – Flatulência

Causa

O problema de gases intestinais pode estar ligado a fatores como ingestão excessiva de fibras, má digestão de determinados alimentos, alto consumo de bebidas com gás ou intolerância a lactose ou glúten.

Solução

Para diminuir as flatulências, consuma menos bebidas com gás, menos fibras e não exagere na ingestão de alimentos como feijão, couve, leite, ovos e cebola. E para dar uma ajudinha ao intestino, evitando os gases intestinais, beba chá de hortelã.

5 – Arrotos

Causa

Os arrotos, aqueles sem querer, são causados por vários fatores que muitas vezes nem imaginamos. Entre as causas do arroto estão, comer rápido demais, o ar ingerido junto com a comida ou bebida, beber com canudinho e usar gomas de mascar.

Solução

Para que você não passe vergonha com aquele arroto indesejável que pode escapar a qualquer momento, coma sem pressa e não fique falando muito enquanto mastiga. Evite também alimentos que possam causar mais fermentação no estômago, como leite e frituras.

6 – Hiperidrose

Causa

A transpiração em excesso é mais comum do que se imagina. Ela pode acontecer por fatores genéticos, pelas altas temperaturas ou ainda pela hiperestimulação das glândulas que eliminam o suor.

Solução

Dependendo do caso, você pode recorrer á cirurgia chamada simpatectomia torácica, que corta a ação dos nervos responsáveis pelo suor excessivo. Outra opção é aplicar botox na região onde há transpiração em excesso. Os casos menos graves podem contar com formas mais simples de diminuir o incômodo. Entre elas estão, usar roupas que deixem a pele respirar melhor, evitar ambientes muito quentes e fechados, usar sapatos que deixem os pés respirar e usar um bom antitranspirante.

Agora você já sabe como não passar vergonha evitando estas situações embraçosas, então siga as dicas e não faça feio quando estiver em locais públicos.

    Receba nossas melhores dicas diretamente em seu e-mail

    Assine nossa newsletter para receber nossas novidades sobre os assuntos do momento.

    Nós odiamos spam. Nunca usaremos seu e-mail para outros fins.

    Comentários
    Dicas relacionadas