Como disfarçar imperfeições da pele com maquiagem

Aprenda a deixar o rosto perfeito e sem manchas usando apenas maquiagem

Atualizado em 10/04/2012 10:13

como disfarcar imperfeicoes da pele com maquiagem Como disfarçar imperfeições da pele com maquiagem

Sempre houve muita dúvida quanto ao uso da maquiagem para disfarçar imperfeições no rosto e se isso poderia pesar a maquiagem ou ter o efeito contrário ao esperado. A boa notícia é que a maquiagem pode sim ajudar a transformar sua pele, deixando-a com um aspecto perfeito e saudável. Hoje vamos aprender como fazer uma maquiagem natural, que disfarça pequenas imperfeições, mas também uniformizar o tom da pele – vamos lá?

Antes da maquiagem é bom lembrar que é fundamental o uso de produtos para a limpeza, tonificação e hidratação da pele. De nada adianta fazer uma maquiagem linda se por baixo dela há uma pele mal tratada e sem viço. Escolha produtos hipoalergenicos e livre de óleos. Outra dica é verificar junto ao rótulo do produto se é específico para o seu tipo de pele, que pode ser seca, normal, mista ou oleosa. Diariamente, tanto pela manhã quanto à noite é fundamental limpar bem a pele e a noite retirar toda a maquiagem antes de dormir. A hidratação também é extremamente importante para o combate do envelhecimento.

Na maquiagem corretiva, vamos priorizar a cobertura da pele, que deverá estar perfeita. Minha experiência leva a dizer que de todos os produtos de maquiagem, o corretivo é o que mais causa medo entre as mulheres. Ou por não saber como aplica-lo de maneira correta ou por não saber qual tipo de cobertura ele oferece.

É válido lembrar que existem três tipos de corretivos: o líquido, o cremoso e o em bastão (stick). A diferença entre eles está na cobertura que cada um deles oferece. É fácil: quanto mais líquido for o produto, mais leve será sua cobertura. Então, se há uma imperfeição ou mancha muito escura, a cobertura do corretivo deve ser mais pesada.

O corretivo serve única e exclusivamente para corrigir pequenas imperfeições ou suavizar manchas que estão isoladas. É válido também aplicar este produto no canto dos olhos, do nariz e da boca, onde naturalmente a pele é mais escura. Sempre em pequenas quantidades e com leves batidinhas, sem arrastar. A cor do corretivo pode ser um tom mais claro da pele. Para casos severos de olheiras, opte por um corretivo que também trabalhe como difusor de luz – iluminador – e que também trata a região, irrigando ou dilatando os vasos sanguíneos e iluminando o olhar.

Para uniformizar a pele, use a base sobre todo o rosto. Este produto também pode ser encontrado em várias opções, como o corretivo. Para acertar em cheio o tom deste produto com o do rosto, faça um teste aplicando uma pequena quantidade sobre a testa até secar. Se houver diferença de cor, troque! Uma atenção especial também nos movimentos de aplicação da base: respeite a malha muscular do rosto, por isso o produto deve ser aplicado de dentro para fora, em movimentos ascendentes e no pescoço, de cima para baixo.

Utilize o pó facial para controlar o brilho. Se você tiver a pele normal à seca, aplique apenas na zona T (testa, nariz e queixo). Caso tenha a pele mista à oleosa, aplique o pó em todo o rosto. Como o pó facial controla o brilho, retoque-o sempre que necessário, pois não só o tipo de pele pede uma camada deste produto, mas o clima e o quanto você quer que dure a maquiagem.

Para finalizar a cobertura de uma pele perfeita, aplique um produto iluminador sobre vincos ou marcas de expressão, assim teremos um efeito de ótica que disfarça e elimina essas características.

Para um “ar” de praia ou saudável, pincele um pó de efeito bronzeado nas laterais do nariz, testa e queixo e não se esqueça de aplicar também no colo para valorizar essa região.

Boa sorte!