Dicas de Mulher Dicas de Saúde

Cebola: conheça os benefícios desse superalimento

Rica em nutrientes e substâncias antioxidantes, a cebola possui também ação antialérgica e anti-inflamatória

em 11/07/2014

Foto: Thinkstock

A cebola é conhecida há mais de cinco mil anos e é considerada um alimento funcional, ou seja, possui nutrientes e substâncias capazes de prevenir e minimizar os sintomas de uma série de doenças, como diabetes, hipertensão e problemas cardíacos.

A cebola também é rica em nutrientes como ferro, potássio e fibras. E ainda possui ação antialérgica e anti-inflamatória, além de promover benefícios, inclusive para pele e cabelo.

Conheça um pouco mais sobre esse superalimento, suas propriedades, variedades e comece a incluí-lo em sua alimentação diária.

Segundo a nutricionista Karin Honorato, a cebola possui mais de 30 substâncias conhecidas como compostos organossulfurados, que representam o fator antioxidante do alimento.

Além disso, nutricionalmente, a cebola é rica em:

  • Fósforo: responsável por garantir energia ao organismo;
  • Potássio: ajuda no controle da pressão arterial;
  • Magnésio: favorece o relaxamento;
  • Fibras: auxiliam no funcionamento intestinal;
  • Inulina: substância que ajuda a manter as boas bactérias do intestino e promove uma melhora na imunidade;
  • Alicina: substância funcional da cebola que possui propriedades anticancerígena, antibacteriana, antimicrobiana e anti-inflamatória.

10 benefícios da cebola

Foto: Thinkstock

Karin orienta que o consumo da cebola garante muitos benefícios ao organismo. A nutricionista recomenda que o consumo seja feito diariamente. Outra recomendação importante é a de não comprar temperos prontos, mas optar pelos feitos em casa. Conheça alguns benefícios desse poderoso alimento, inclusive para a pele e os cabelos:

  1. Eficácia na redução dos níveis de açúcar no sangue, por isso o consumo é recomendado para diabéticos;
  2. Redução dos níveis de colesterol prevenindo doenças cardiovasculares;
  3. Diminuição na pressão arterial, por isso o consumo é indicado para hipertensos;
  4. Ajuda a evitar o risco de tromboses;
  5. É utilizada para diminuir sintomas de gripe, resfriado, asma e infecções virais pois possui ação antialérgica e anti-inflamatória;
  6. Por ser um alimento rico em antioxidantes e vitamina C, A e E, a cebola também traz benefícios para a pele e cabelos;
  7. Previne os radicais livre e garante benefícios anti-idade para a pele;
  8. Possui ação antibacteriana, antimicróbica e anti-inflamatória e é um poderoso antisséptico que protege a pele da acne;
  9. Previne a queda do cabelo e estimula o nascimento de novos fios;
  10. Revitaliza os cabelos, dá brilho e mantém o cabelo limpo por mais tempo.

Tipos de cebolas

Foto: Thinkstock

Cebola pera: esta é a cebola popularmente conhecida e usada. É uma cebola grande com polpa de sabor intenso e ácido. A sugestão é utilizá-la refogada. Pode também ser utilizada crua em saladas. O uso não é indicado para receitas que não vão ao forno.

Cebola pérola: cebola de pequeno tamanho conhecida pelo uso em conservas. Muitas vezes utilizadas como guarnição. Possui sabor delicado e doce.

Chalotas: possui sabor adocicado e baixa acidez. Seu corpo é mais alongado e é difícil de ser encontrada no Brasil. Devido à raridade, seu preço é alto.

Cebola roxa: é ideal para se comer crua. Pode ser utilizada para vinagretes, por exemplo. Tem uma coloração característica, possui sabor adocicado e quando caramelizada fica ainda mais doce.

Como selecionar e armazenar cebolas

Na hora de escolher as cebolas, opte sempre por aquelas que não estejam machucadas, sejam uniformes e possuam a casca com um brilho mais vibrante.

É importante armazená-las adequadamente para mantê-las fresca e preservar seu sabor o maior tempo possível. Recomenda-se a remoção dos brotos e peles secas da cebola. O ideal é guardá-las em sacos de malha em locais frescos e arejados.

Apesar de ser um costume na grande maioria das famílias, não é adequado manter a cebola na geladeira.

Como usar a cebola nas refeições

Foto: Thinkstock

Embora sejam usadas mais frequentemente como tempero, existem vários usos para a cebola. As cebolas são um dos vegetais mais versáteis que podem ser consumidos tanto na forma crua e cozida. Eles podem conferir um sabor único para qualquer receita. Podem ser cozidos de diversas maneiras, tais como ferver, refogar, fritar ou caramelizar.

Algumas sugestões de uso são: com saladas, como base para molhos e sopas, fritas na manteiga, adicionadas à guacamole, em risotos e carnes e também as cebolas salteadas como aperitivo. Vale a pena adotar esse superalimento no seu cardápio semanal. Confira mais opções de preparo:

Cebolas cruas: podem ser adicionados em saladas. Você pode cortar as cebolas em anéis e adicioná-los ao tomate picado, pepino, cenoura e beterraba temperadas com suco de limão.

Cebolas fatiadas: podem ser fritas e usadas como uma base para molhos de massas e sopas, guisados. Podem ser fritas em manteiga ou margarina em fogo médio por cerca de 3 minutos até que fiquem crocantes e douradas.

Cebola picada: pode ser combinada com tomates e abacates para preparar um delicioso guacamole.

Cebolas salteadas: podem realçar o sabor de qualquer prato vegetariano. Este método envolve a dourar a cebola, a qual pode ser adicionada aos vegetais refogados, sopas e massas.

Para ver mais receitas com cebolas, você pode conferir os seguintes sites: Tudo Gostoso, Gshow e Mundo Verde.

Receita: como cozinhar cebolas de forma saudável

Abaixo você confere uma receita para preparar a cebola para inclui-la em seus pratos favoritos:

  1. Corte as cebolas em rodelas;
  2. Aqueça 2 colheres de caldo de legumes ou frango em fogo médio em uma frigideira de aço inox;
  3. Quando o caldo começa a evaporar, adicione as cebolas e cubra por 3 minutos. A cebola vai liberar uma pequena quantidade de líquido;
  4. Descubra e adicione outro caldo;
  5. Continue a mexer por 4 minutos, deixando destampado;
  6. Misture bem e utilize como combinação dos seus ingredientes favoritos. Frango é uma sugestão.

Vídeo: como cortar a cebola sem chorar

Na hora de descascar e cortar a cebola, sempre há um dilema: os olhos ardem e você chora, chora, chora. Para evitar esse problema, confira o vídeo do Manual do Mundo que explica 3 métodos para cortar sem lágrimas:

Não exclua a cebola da sua vida, além de ótima para a saúde e saborosa para o preparo dos alimentos, ela pode te deixar ainda mais linda.

Comentários
Dicas relacionadas