Dicas de Mulher Dicas de Moda

6 aspectos que você deve analisar ao comprar uma bolsa

Descubra o que você deve levar em consideração na hora de escolher a sua bolsa para o dia a dia e evitar frustrações

em 25/05/2015

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

A bolsa é um dos acessórios mais indispensáveis na vida de qualquer pessoa. É nela que você pode guardar seus documentos, maquiagens, remédios para uma emergência, entre outros itens que variam de pessoa para pessoa.

E como ela tem essa importante função de guardar nossos pertences, é importante que sua escolha seja bem feita, para que assim ela atenda tanto suas exigências em relação a estilo, quanto a usabilidade.

E mesmo sendo um item tão essencial, não é necessário encher seu armário com várias. Ter uma bolsa média ou grande para o dia a dia e uma pequena para sair à noite já é o suficiente. Isso já garante que você não perca tempo todo dia trocando o conteúdo de uma bolsa para outra e evita que você esqueça algo importante em uma bolsa em decorrência desta troca.

Para que você consiga analisar bem a bolsa ao comprar e faça a escolha certa, é imprescindível ter extrema atenção com os aspectos tratados a seguir.

1. Estilo

Mochila por R$79,99 na Passarela | Bolsa zebra por R$149,90 na Olha Pra Ela | Bolsa nude por R$599,99 na Dafiti

Mochila por R$79,99 na Passarela | Bolsa zebra por R$149,90 na Olha Pra Ela | Bolsa nude por R$599,99 na Dafiti

Ao pensar no estilo da bolsa, lembre-se do tipo de roupa que você costuma usar. Para quem tem um estilo mais informal, usa bastante jeans, t-shirts, tênis, uma mochila talvez seja a melhor opção, ou ainda uma bolsinha pequena transversal.

Para quem usa looks de neutro a formais, uma bolsa baú de oncinha ou uma bolsa transversal média com estampa de cobra podem ser boas alternativas. Já para quem adota um estilo totalmente formal, as totes estruturadas em couro liso são modelos adequados.

É importante lembrar, que se você varia muito entre looks com estampas e cores vivas, o ideal é que a bolsa que você vai usar no dia a dia seja mais neutra e contenha poucos detalhes. Já no caso de quem usa looks mais neutros e com menos estampas, as bolsas com mais detalhes, bordados e estampas podem cair bem no visual.

É válido lembrar também que quanto mais cores e estampas fortes a bolsa tiver, mais ela vai chamar atenção e assim pode ser que você acabe “enjoando” dela. Enquanto as mais neutras podem ser usadas por mais tempo sem ter esse problema.

2. Tamanho

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Além de considerar o que você leva na bolsa para escolher o tamanho dela, é preciso também pensar no tamanho da peça em relação ao seu corpo. Veja:

  • Mulheres baixinhas e pequenas parecem mais altas quando usam bolsas pequenas;
  • Mulheres altas combinam mais com bolsas grandes, proporcionais à sua altura;
  • Mulheres altas e magras podem optar também por bolsas com formatos mais arredondados, mais longos na horizontal;
  • Mulheres baixinhas podem adotar os modelos de bolsas mais longas, retangulares na vertical;
  • Bolsas de alças curtas evidenciam os seios quando usadas penduradas no ombro;
  • Já bolsas de alça de médio a longo ficam bem para praticamente todos tipos de silhueta.

É de comum conhecimento, mas não custa nada reforçar: evite carregar muito peso na bolsa, mesmo que ela seja grande. Peso em excesso prejudica a coluna e pode causar dores, então leve na bolsa apenas o essencial.

3. Forro

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Ao colocar as chaves na bolsa, uma das coisas mais comuns de acontecer é que com o tempo o forro pode acabar ficando cheio de furos. Isto acontece principalmente quando o forro é de um material de baixa qualidade e fino demais. Até mesmo as bolsas “de marca” que prometem boa qualidade podem ter esse problema, então é importante ficar de olho.

4. Alça

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Outro quesito muito importante para garantir que você está comprando uma bolsa de qualidade é verificar se a alça é resistente, tem uma bom reforço na costura onde está anexada ao corpo da bolsa e principalmente se ela é confortável.

Bolsas com alças de corrente tendem a machucar, portante prefira aquelas que tem um apoio na parte central da alça onde ela encosta no ombro. Bolsas grandes também são melhores quando tem alças duplas, assim você poderá carregar um pouco mais de peso (mas não muito) sem que ela rasgue. Nesses casos, as mais largas são as melhores, pois distribuem melhor o peso. Alças finas são para bolsas mini ou pequenas.

5. Bolsos e divisórias

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Este é um ponto importante e que varia muito de pessoa para pessoa. Há quem prefira bolsas que tenham um bolso externo para guardar um trocado ou para deixar o celular ao alcance mais fácil.

Há também quem goste de bolsas com bolsos internos específicos para batom, caneta e celular, ou ainda uma boa divisória central para colocar um livro, notebook ou tablet, dependendo do tamanho da peça.

Esse, sem dúvida é um detalhe importante que você deve verificar ao comprar uma bolsa, pois muitas vezes por mais bonitas que elas sejam por fora, elas não tem a divisão adequada que você precisa por dentro e com isso sua praticidade diminui muito, exigindo que você use necessaires e estojos para organizar o espaço dentro da bolsa.

6. Zíper e fechos

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Ter atenção ao tipo de fecho e à qualidade do zíper da bolsa é essencial. Bolsas sem fechos podem ser práticas para vários momentos, mas serem pouco seguras principalmente para quem usa transporte público.

Ao olhar a bolsa, abra e feche o zíper algumas vezes para ter certeza de que não emperra e que é resistente. Verifique também se a abertura não é complicada demais: bolsas com fecho tipo “cinto” ou botão são mais difíceis de abrir que os de zíper e ímã.

Analisando os itens acima ao escolher a peça, você poderá sair da loja com a certeza de que comprou o que realmente precisa e te agrada. Vale lembrar também que, na dúvida, uma bolsa nude ou preta é o tipo que nunca sai “da moda” e que sempre será muito fácil de combinar com qualquer look. Mas não tenha medo de arriscar e investir em uma peça mais fashionista, desde que ela se harmonize bem com o seu estilo.

Comentários
Dicas relacionadas