Aprenda a cozinhar na máquina de lavar louças

Conheça as vantagens dessa prática inusitada e reduza o impacto dos seus hábitos no meio ambiente

Por Juliana Cazarine
Atualizado em 17/03/2014 15:38
aprenda a cozinhar na maquina de lavar loucas Aprenda a cozinhar na máquina de lavar louças

Foto: Thinkstock

Quem nunca ouviu falar que o fogão à lenha deixa a comida mais gostosa? Pois é, pode até ser realmente verdade, mas quem é que consegue manter um desses em casa? O fogão elétrico como se usa hoje, que é um dos principais eletrodomésticos da cozinha, é parceiro da mulher na correria do dia a dia. Alguns deles até avisam quando o alimento está pronto. Mas, em um momento em que a preocupação com o meio ambiente norteia a rotina das pessoas, surge a opção sustentável de cozinhar na máquina de lavar louças.

Parece estranho e até mesmo improvável, porém é realmente possível fazer comida utilizando esse eletrodoméstico, pelo menos é o que afirma o livro “Cozinhar na máquina de lavar louças: gosto, sustentabilidade e economia com um método revolucionário”, em italiano (língua na qual a publicação está disponível), “Cucinare in lavastoviglie. Gusto, sostenibilità e risparmio con un metodo rivoluzionario”, de Lisa Casali. A autora defende uma forma de gastronomia que não cause impactos à natureza. Assim, ao mesmo tempo em que se usa a máquina para lavar, usa-se para cozinhar.

Funciona da seguinte maneira: primeiro, é preciso “embalar” os alimentos em recipientes de vidro bem fechados ou sacos a vácuo e, depois, eles já podem ser colocados na máquina de lavar louças junto aos pratos, copos e talheres que estarão lá. Como os alimentos estarão bem embalados, não entrarão em contato com o detergente e a temperatura interna do eletrodoméstico é que se encarrega do cozimento.

Segundo a autora, a temperatura interna da máquina de lavar louças é constante e não muito elevada, isso é o que permite obter um perfeito cozimento à baixa temperatura. Prática similar aos que fazem os grandes chefs de cozinha porque exala o perfume e o sabor do alimento.

Em geral, cozinhar na máquina de lavar louças é bom para o meio ambiente, já que utiliza a mesma energia para duas funções. “Ao cozinhar com lavagem eco, normal, rápida ou intensivo – fases de funcionamento da máquina – você obtém pratos deliciosos e cozidos à baixa temperatura. Os benefícios desta técnica são muitos e não só para o meio ambiente”, escreve Lisa em seu blog, o Ecocucina.org.br.

Quer experimentar? Confira as dicas!

  • Alimentos cozidos a baixa temperatura podem ter maior proliferação de bactérias. Por isso, quando retirá-los da máquina, certifique-se de que os recipientes que o receberão estão bem limpos.
  • Em contrapartida, alimentos feitos a baixa temperatura (seja na máquina de lavar louças ou não) conservam melhor as propriedades, o sabor e o perfume dos alimentos. Outra vantagem é que a cozinha não fica superaquecida, portanto, fica sem cheiro no ambiente, porque ele estará todo concentrado no pote.
  • Nem todos os alimentos podem ser cozidos na máquina de lavar, mas a lista do que pode ser adepto a essa prática é extensa. A única recomendação é que se observe o período de cozimento de cada um, porque o tempo será estipulado pelo tipo de lavagem. Por exemplo, para que as carnes fiquem suculentas, necessitam de um determinado tempo expostas ao calor.
  • O processo de cozimento inteiro é demorado, portanto pode não ser recomendado para o dia a dia. Mas, para resolver esse problema, a alternativa é deixar os alimentos cozinhando durante a noite, por exemplo, e guardá-los para comer depois. Algumas comidas podem ser conservadas sem perder o sabor e os nutrientes por até três dias.