Dicas de Mulher Dicas de Saúde

Acabe de vez com os hábitos alimentares prejudiciais

Aprenda truques simples que vão ajudar você a comer melhor

em 26/01/2012

Ter bons hábitos alimentares é essencial para manter a saúde e a boa forma. Entretanto, isso não significa apenas fazer uma dieta e nem ter uma alimentação cheia de restrições. Pequenas mudanças nas atitudes em relação à comida podem fazer muita diferença ao longo da vida. O resultado pode ser sentido na balança, mas também em disposição e mais energia para encarar o dia-a-dia.

Comer em frente à TV, enquanto dirige, andando pela rua ou em pé, significa que provavelmente você não está prestando muita atenção no que e no quanto está comendo. Outro hábito alimentar muito comum é passar o dia petiscando.

Se você comete alguns destes dois erros, corre o risco de acabar comendo demais. Fazer pequenos lanches entre as refeições é uma ótima estratégia para não ter muita fome na hora das refeições principais. Mas atenção: não vale beliscar salgadinhos, biscoitos, frituras ou se acabar nos doces e refrigerantes.

O segredo está em consumir alimentos nutritivos. Prefira frutas, cereais, iogurtes, sucos ou quaisquer outros alimentos de baixa caloria e fáceis de consumir. Além disso, é preciso reservar alguns minutos para a refeição e não se esquecer de fazer uma boa mastigação.

Quem tem uma rotina agitada, geralmente não tem muito tempo para cozinhar e, por isso, acaba recorrendo aos alimentos semiprontos e congelados. Se este é o seu caso, não se sinta culpada. Esses tipos de alimentos realmente podem ser prejudiciais à saúde, já que são fontes de gordura, açúcar, sal e calorias em excesso.

No entanto, se não houver outra opção, o jeito é ser esperta na hora de escolher.

Compare os rótulos. Verifique as informações contidas nas embalagens para encontrar as opções mais saudáveis. Prefira os alimentos com mais fibras, menos teor de sal e baixas calorias.

Por fim, outra dica para acabar de vez com os hábitos alimentares prejudiciais é evitar descontar raiva, tristeza ou frustrações na comida. Pode ser reconfortante no momento, mas o resultado deste comportamento pode aparecer bem depois, e na balança. Comer tudo o que estiver pela frente não vai resolver seus problemas.

Portanto, pense bem antes de abrir a geladeira. Antes de atacar descontroladamente todas as guloseimas possíveis, tente outra estratégia. Sair de casa para dar um passeio, ver um filme ou conversar com um amigo são medidas mais saudáveis.

Comentários
Dicas relacionadas