5 atitudes que podem derrubar qualquer relacionamento

Cuidar do que falamos e dizemos é uma das maneiras de manter o bom relacionamento entre o casal

Por Andressa Dias
5 atitudes que podem derrubar qualquer relacionamento 5 atitudes que podem derrubar qualquer relacionamento

Foto: Thinkstock

Existem algumas coisas que fazemos, especialmente durante brigas e discussões, que podem arruinar pouco a pouco uma relação. Listamos aqui as 5 atitudes que podem destruir um namoro ou casamento e comentamos porque devemos evitar cada uma dessas atitudes.

1 – Falar sobre término sem ter a real intenção de terminar o relacionamento

Evite falar “então é melhor nós terminarmos” se você não tiver mesmo a intenção de acabar com essa relação. Usar essa frase como recurso para “vencer” uma discussão pode te render um rompimento indesejado. Por isso, elimine essa frase do seu vocabulário de DRs e prefira argumentar com fatos, dizendo o que você gosta e não gosta no relacionamento de forma sensata e educada.

2 – Comparar o ex-namorado com o atual

Outra coisa que você não deve fazer é comparar seu atual com um ex-namorado. Além de ser injusto, porque cada pessoa tem seus atributos, seu jeito, defeitos e qualidades, quando isso é falado, essas comparações podem ter um sério impacto negativo no relacionamento. Portanto, nunca faça essas comparações se não deseja ter problemas na relação. Lembre-se que se alguém virou ex, você teve algum motivo para fazer isso, então o relacionamento talvez não fosse tão perfeito quanto pode parecer agora.

3 – Mencionar algo que aconteceu muito tempo atrás em uma discussão

Essa é uma atitude bastante comum na hora da raiva e da briga de casal. Especialmente quando você está sendo criticada por algo que ele já fez. Porém, trazer um problema que já passou à tona novamente só vai fazer os dois discutirem mais e reviverem esse momento ruim que rolou no passado. Sendo assim, lide com o agora, com o que está acontecendo no momento e esqueça o passado. Se o assunto já foi “perdoado”, deve também ser esquecido e não usado como moeda de troca.

4 – Fazer comentários negativos sobre a performance sexual do parceiro

Essa é a melhor forma de fazê-lo se sentir ainda pior e não vai consertar o “problema” que você enxerga. Em vez de apontar como ele é ruim na cama, prefira sugerir posições diferentes e outras coisas que você considera sexualmente interessantes. Leve a situação de uma forma positiva, sugerindo mais do que reclamando e reivindicando. Assim, você não coloca a autoestima dele em risco e garante que aos poucos as relações sexuais de você melhorem.

5 – Querer controlar a vida do seu parceiro

Dizer onde ele pode ir, o que pode fazer e com quem se relacionar pode parecer tentador e até natural, entretanto, essa atitude pode acabar pouco a pouco com o seu relacionamento. Se tem algo que ele faz que você não gosta, se expresse em um momento oportuno e de forma delicada e educada. Mas evite impor a sua vontade sobre a dele. Lembre-se que a vida é dele e que todos somos livres para ir e vir como bem entendemos. Deixe que ele decida o que fazer e se você reprovar todas as atitudes e companhias do gato, talvez seja o momento de rever se vale mesmo a pena continuar com alguém que só te desagrada.

Vale ressaltar que estas sugestões e dicas valem tanto para a mulher quanto para o homem. Assim como as mulheres devem prezar pelo relacionamento, os homens também devem fazer sua parte para manter o bem-estar na relação. Faça sua parte e encoraje o seu parceiro a agir da melhor maneira também. Desta forma, ambos se beneficiam de um relacionamento positivo e que pode gerar bons frutos na vida dos dois.