3 dicas para acabar com o efeito sanfona

Atitudes que vão te ajudar a emagrecer e não engordar mais

Por Deborah Busko
Atualizado em 22/06/2012 14:36

dicas acabar efeito sanfona 3 dicas para acabar com o efeito sanfona

Se emagrecer é difícil, manter o peso é mais difícil ainda. Eliminar os quilos extras é o que passa pela cabeça de dez entre dez mulheres. Mas na prática, parece difícil acertar a fórmula exata para deixar o corpo esbelto.

Para perseguir esse objetivo, há quem aposte nas dietas da moda, que geralmente prometem efeitos milagrosos em pouco tempo. Eles podem realmente aparecer, mas não são duradouros e o resultado disso, é o engorda-emagrece, engorda-emagrece, engorda-emagrece do temido efeito sanfona.

Para romper esse ciclo, é preciso colocar em prática algumas dicas que vão te ajudar emagrecer e não engordar mais. Saiba agora como acabar com o efeito sanfona.

1 – Não pule o café da manhã

Tomar um café da manhã reforçado deveria fazer parte da rotina de qualquer pessoa. No entanto, a falta de tempo e a preguiça levam muita gente a sair de casa de estômago vazio.

A primeira refeição do dia não leva o nome de desjejum por acaso. Contando desde a última refeição, o tempo que passamos dormindo é um longo período de jejum. Ao acordar, o corpo começa a gastar energia e outros hormônios despertam a sensação de fome.

O ideal é comer até uma hora depois de sair da cama, é necessário fornecer mais energia para ter energia e para que o corpo possa realizar as atividades ao longo do dia. Portanto, o título do café da manhã de refeição mais importante do dia é mais que merecido.

Se você acordar sem apetite, talvez seja porque seu relógio biológico ainda não despertou ou por ter comido demais antes de dormir. Mesmo assim, sair de casa sem comer não é a melhor alternativa. Experimente tomar um copo de leite, uma fatia de queijo branco ou comer uma fruta, pode ser uma maçã ou uma banana com aveia.

2 – Capriche no prato

O prato de quem está de dieta não precisa (e nem deve) ter só salada. Para seguir uma alimentação balanceada, é preciso consumir proteína, carboidrato e gordura na mesma refeição.

É isso mesmo, nada de cortar radicalmente os carboidratos e as gorduras. Com a presença das proteínas, os carboidratos são digeridos e absorvidos mais lentamente. O resultado disso é que o nível de glicose fica balanceado, seu corpo tem energia e você demora a sentir fome novamente.

Uma sugestão de prato ideal é a famosa combinação de arroz, feijão, bife e salada. Mas atenção: não de exagere no arroz (uma colher rasa já basta) e consuma carne vermelha sempre magra.

3 – Beba chá durante as refeições

Os refrigerantes tem açúcar e cafeína na fórmula, ingredientes que induzem o organismo a produzir adrenalina e elevar o nível de glicose no sangue. Com os sucos de frutas, vinho e cerveja, não é diferente. Essas bebidas se comportam como carboidratos simples no corpo e, ainda que em quantidades menores, também aumentam a glicose no corpo.

Por isso, o ideal é apostar na água e no chá para acompanhar as refeições. Outra dica para acabar com o efeito sanfona é beber uma pequena xícara de café descafeinado após a refeição.