12 erros que podem detonar seu cabelo

Conheça os deslizes mais comuns que acabam com o cabelo de qualquer mulher e saiba como evitá-los

Por Andressa Dias
Atualizado em 12/07/2013 19:04

12 erros que podem detonar seu cabelo 12 erros que podem detonar seu cabelo

Toda mulher sabe que é muito importante cuidar dos cabelos. Porém, muitas vezes achamos que estamos cuidando, mas acabamos cometendo alguns deslizes que podem ser extremamente prejudiciais às madeixas. Para evitar esses erros que podem detonar seu cabelo, fique atenta quanto ao seguinte:

1. Água quente

A água quente deve ser evitada porque pode provocar irritações no couro cabeludo, que desencadeiam maior produção de sebo e consequentemente aumentam a oleosidade na raiz. Além disso, esse excesso de oleosidade na raiz pode inibir o crescimento do cabelo. O couro cabeludo precisa respirar, por isso evite a água quente, troque de xampu e condicionador ao menos uma vez por mês e use xampu de limpeza profunda a cada 15 dias.

2. Condicionador na raiz

O condicionador nunca deve ser passado na raiz do cabelo, pois isso aumenta a oleosidade e a umidade no couro cabeludo, facilitando a caspa, já que os poros capilares ficam mais fechados. Esse erro tem consequências ainda mais aparentes quando o cabelo já é naturalmente mais oleoso.

3. Condicionador por muito tempo no cabelo

Os condicionadores são, em geral, aliados dos cabelos. Porém, não devem ser deixados no cabelo após o banho, justamente pelo fato de que as escamas ficam abertas e o cabelo fica mais elástico, o que pode aumentar a chance de quebra dos fios.

4. Esquecer a hidratação

A hidratação é essencial para os cabelos e é importante não se esquecer de fazê-la de tempos em tempos. Mesmo quem tem o cabelo oleoso não deve deixar de hidratar o cabelo, mas sim, fazê-lo com produtos específicos para este tipo de cabelo. Se você já pintou, alisou ou usou outro tipo de química nos seus cabelos, é um erro não hidratá-los. Com a hidratação o cabelo recupera aos poucos o brilho e o aspecto saudável, além de ficar mais macio e nutrido.

5. Química demais

Quando resolver fazer alguma mudança no seu cabelo que precise de química, escolha bem qual tratamento quer fazer. Se for fazer relaxamento e coloração, prefira uma tinta que agrida menos o cabelo, como aquelas sem amônia. Fazer mais que duas químicas pode ser fatal para o cabelo, pois as pontas podem ficar completamente danificadas, podendo ser reparadas apenas com corte.

6. Prender o cabelo ainda molhado

Se os seus cabelos ficarem molhados por muito tempo, isso pode fazer com que ele junte fungos e a caspa apareça. Além disso, prender o cabelo ainda molhado enfraquece a raiz e facilita a queda dos fios. Se o problema é volume, aposte em um leave-in adequado para o seu cabelo e fuja do vento enquanto ainda não estiver seco.

7. Usar o secador da maneira errada

O secador de cabelo deve ser posicionado a pelos menos 30 cm de distância do cabelo na hora da secagem e a temperatura deve ser a média ou fria para não danificar os fios. Procure evitar direcionar o calor para a cabeça pois isso aumenta a oleosidade na raiz e diminui a duração da escova.

8. Chapinha x Cabelo molhado

Passar a chapinha no cabelo ainda molhado chega a ser cruel com os seus fios, você pode ver e sentir o cheiro do dano que está causando ao seu cabelo no mesmo momento. Cabelos molhados ou úmidos ficam elásticos e se quebram facilmente ao passar a chapinha, sem contar com o fato de que a chapinha queima os fios molhados.

9. Máscara para hidratação x Praia

A máscara para hidratação não protege o cabelo dos efeitos do sol, mas sim, danifica ainda mais os cabelos. Esses produtos não devem ser usados por muito tempo, pois exceder os minutos da hidratação faz com que os fios fiquem mais fracos e sejam queimados pelos raios ultravioletas. Se for tomar sol, o ideal é usar um creme sem enxágue com protetor solar.

10. Não cortar a cada três meses

Por mais que pareça uma lenda ter que cortar o cabelo a cada três meses, ou ainda que seja um truque para os cabeleireiros ganharem mais, não é exatamente isso. Se você esperar mais que três meses, as pontas do cabelo começam a abrir e os fios ficam mais quebradiços, os cabelos arrepiados ficam ainda mais volumosos e os fios fracos caem. Por isso, escolha um corte de cabelo e corte sempre seu cabelo a cada três meses, pois este é o tempo ideal de espera.

11. Desembaraçar os fios com a escova errada

As escovas com cerdas muito maleáveis são mais difíceis de usar na hora de desembaraçar o cabelo e ainda podem quebrar os fios. O ideal é usar um pente com dentes bem largos e que seja bem firme. Se preferir usar uma escova, escolha uma do tipo raquete e bem resistente.

12. Leave-in

Um dos erros mais comuns é esquecer de passar o leave-in. Muitas mulheres acreditam que o leave-in vai deixar o cabelo oleoso, mas isso não acontece se você usar o produto apropriado. Outro erro é trocar o leave-in por condicionador. Nesse caso o efeito é prejudicial, pois em vez de fechar as escamas, elas ficam abertas e o cabelo fica mais arrepiado. O leave-in é importante para fechar as cutículas e deixar as pontas hidratadas.

Cuide bem dos seus cabelos para não precisar recorrer à medidas drásticas como o corte. Se você ficar atenta a estes erros mais comuns já estará colaborando com a saúde e a beleza das suas madeixas.