10 maneiras de amenizar os sintomas das picadas de inseto

Além do antialérgico, existem formas naturais e eficientes para curar as picadas: babosa e mel são duas delas

Por Letícia Greco
Atualizado em 25/02/2013 8:37
10 maneiras de tratar e amenizar as picadas de inseto 10 maneiras de amenizar os sintomas das picadas de inseto

Aloe vera e mel são alguns dos remédios naturais contra o inchaço e a coceira. Foto: Thinkstock

É durante o verão que, normalmente, mosquitos e pernilongos aparecem com mais frequência, causando bastante desconforto com as picadas, que provocam coceiras, inchaço e dor. Isso acontece porque, ao picar a pele, o inseto libera algumas substâncias no organismo, como anestésicos e anticoagulantes.

O nosso sistema imunológico, então, começa a produzir substâncias de defesa, entre elas a histamina, que é a responsável por deixar a pele vermelha e causar coceira. Para que a substância pare de ser produzida, indica-se anti-histamínico ou antialérgico. Mas existem outras maneiras naturais e eficazes para tratar e amenizar as picadas de mosquito. Veja 10 delas:

1 – Gelo

A bolsa de gelo é uma boa opção para aliviar a coceira e o inchaço provocados pelas picadas de inseto, pois com a baixa temperatura do gelo, as fibras nervosas que provocam a “dor” (a coceira) ficam paralisadas, fazendo com que a pessoa não sinta os sintomas da picada. A água quente também provoca um alívio imediato na coceira. No entanto, quando a compressa é removida, o efeito é contrário ao do gelo: a histamina volta a ser produzida, fazendo com que a coceira fique ainda pior.

2 – Óleo de melaleuca

O óleo de melaleuca, também conhecido como Tea Tree Oil, é obtido por meio das folhas da planta, nativa da Austrália. O óleo tem ação anti-inflamatória e combate a coceira, o inchaço e a dor. Além disso, o Tea Tree Oil possui propriedades antibacterianas e antivirais, que ajudam a prevenir infecções posteriores às picadas de insetos.

3 – Vinagre

A acidez do vinagre ajuda a parar a coceira provocada pelas picadas de inseto. Para amenizar o incômodo, basta diluir duas ou três xícaras de vinagre em um litro de água quente e passar sobre as picadas. Se preferir, coloque algumas gotas de vinagre em um algodão e passe diretamente no local.

4 – Mel

O mel tem propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias, além de trazer inúmeros benefícios para a saúde humana, ainda ajuda no tratamento dos sintomas provocados pelas picadas. Para tratar a coceira, coloque um pouquinho de mel no local afetado e em pouco tempo a coceira diminuirá.

5 – Bicarbonato de sódio

Além de ser um ótimo componente para desentupir vasos sanitários, o bicarbonato de sódio ajuda no tratamento das picadas de inseto. Isso porque o bicarbonato é um composto alcalino que ajuda a neutralizar o pH da pele, contendo a inflamação, e consequentemente, aliviando a dor.

6 – Manjericão

A folha de manjericão contém dois componentes que ajudam a aliviar a coceira: a cânfora e o timol. Para que isso ocorra, basta amassar as folhas, extrair o sumo e aplicá-lo sobre o local inchado. Se preferir, passe um óleo com essência de manjericão sobre a picada.

7 – Óleo de lavanda

Assim como o óleo de melaleuca, o óleo de lavanda também controla o inchaço e a coceira provocados pelas picadas de insetos. Para aliviar os sintomas, aplique uma ou duas gotas sobre a picada logo que ela ocorrer. Se não adiantar, misture cinco gotas do óleo com 100g de gel aloe vera (babosa) e aplique sobre a pele.

8 – Água e leite

A água e o leite juntos aliviam o inchaço, a coceira e a inflamação. Por isso, embebede em um lenço quantidades iguais de água e leite e aplique-o sobre a pele. A técnica também funciona em caso de queimaduras provocadas pelo sol.

9 – Aloe Vera

Além de provocar a sensação de frescor na pele queimada pelo sol, os produtos que contém aloe vera ajudam a tratar as picadas de inseto e aliviam os sintomas de coceira e inchaço.

10 – Limão e lima

As frutas cítricas como limão e lima têm ação antibactericida, antimicrobiológica e anticoceira. Tanto os sucos quanto as cascas combatem diversos tipos de bactérias, e por isso, também funcionam no tratamento da inflamação provocada pelas picadas de insetos. O único cuidado deve ser com a exposição da pele ao sol, que pode provocar manchas e até queimaduras. Por isso, é recomendável que se use apenas remédios com a composição de citrinos, em vez de aplicar o sumo de limão diretamente sobre a pele.